Giro do Vale / Estado / Polícia

Acusado de estuprar bebê de 11 meses em Serafina Corrêa é solto

Homem ficou recolhido menos de quatro meses.

O jovem de 20 anos, morador de Serafina Corrêa, que foi preso por espancar e abusar sexualmente uma bebê de 11 meses de idade, foi solto pelo Poder Judiciário, menos de quatro meses depois da prisão. As informações são da Rádio Uirapuru de Passo Fundo. O acusado foi preso no dia 29 de junho deste ano, durante uma ação deflagrada pela Polícia Civil, Brigada Militar e Conselho Tutelar. A sua prisão ocorreu no interior do Hospital São Vicente de Paulo em Passo Fundo.

Na ocasião, a bebê foi internada e realizou vários exames, onde foi constatado que apresentava traumatismo craniano, fraturas pelo corpo e fissuras nos órgãos genitais. O jovem de 20 anos confessou tercostume de estuprar a menina. Diante da situação, a delegada Carolina Goulart representou pela prisão preventiva do agressor, que foi deferida pelo juizado de Guaporé.

O acusado foi recolhido ao Presídio de Passo Fundo, transferido para Soledade e posteriormente encaminhado à casa prisional de Guaporé. O processo tramita em segredo de justiça. O acusado foi solto no último dia 13 de outubro através da liberdade provisória. A prisão preventiva teria sido revogada, tendo em vista o acusado estar correndo risco de vida ao ficar junto com os demais presos, e a casa prisional não ter condições de mantê-lo em uma cela sozinho.

Foi estipulado que o agressor deverá comparecer em Juízo a cada 15 dias. A bebê vítima da violência, após restabelecer a saúde recebeu alta hospitalar, contudo, conforme informações de populares, ela teria herdado várias sequelas. O nome do agressor não é revelado para manter a identidade da vítima.

 

Grupo Independente

Comentários

  1. Lucas disse:

    Espero que sofra muito antes de morrer, pode fugir da ”justiça” do Brasil se é que é justiça por que espancar e estrupar um bebe e ainda for solto meu Deus o que é isso ? Que a justiça de Deus seja feita e que proteja essa criança da maldade dos homens.

Publicidade

Últimas Notícias

Três pessoas teriam sofrido ferimentos, mas sem gravidade.

Bando fez cordão humano com vítimas.

Alunas aprendem noções iniciais de informática, manuseio do mouse e teclado, editor de textos, internet e e-mail.

O recurso foi destinado pelo Deputado Federal Covatti Filho (PP) por solicitação da executiva municipal do partido.