Giro do Vale / Esporte / Inter

Lisca é o novo técnico do Inter

Treinador assumirá a equipe nas rodadas finais do Campeonato Brasileiro.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Lisca é o novo técnico do Inter. O ex-treinador de Juventude, Ceará e Joinville assume o time nesta sexta-feira, dia 18, com a missão de salvar o Inter do rebaixamento.

O site do clube anunciou nesta madrugada a apresentação do treinador que ocorreu nesta manhã na Sala de Conferências do Estádio Beira-Rio.

Ele treinará o time já nesta sexta-feira e no sábado em Porto Alegre. No domingo, a equipe deve trabalhar em São Paulo, no CT do Palmeiras. O Inter volta a campo pelo Brasileirão na segunda-feira, contra o Corinthians, no Itaquerão.

Luiz Carlos de Lorenzi tem 44 anos e seu último trabalho foi no Joinville. Mas destacou-se mesmo no Ceará e no Juventude, onde ganhou o apelido de “Lisca Doido”, por seu estilo explosivo e intenso. No Ceará, em 2015, livrou o time do rebaixamento faltando nove rodadas para o fim conquistando seis vitórias, dois empates e uma derrota em nove jogos.

Apresentação

Lisca foi apresentado na manhã desta sexta-feira, e comandará a equipe nas partidas contra Corinthians, Cruzeiro e Fluminense na luta para fugir da zona de rebaixamento.

“Acredito que ficaremos na Série A. Não vim ser herói. Vejo como uma grande oportunidade, sei das dificuldades”, disse.

O novo treinador já começa a trabalhar nesta sexta-feira, com um treino às 16h. O elenco também treina em Porto Alegre no sábado e em São Paulo no domingo. O jogo contra o Corinthians é na noite de segunda-feira.

“Eu acredito pela situação que se apresenta na tabela. Temos a mesma pontuação do Vitória, o Sport também entra nessa briga. O Figueirense também é um adversário que pode sonhar e almejar essa permanência. Vejo a possibilidade na nossa mão, a diferença é contornável. Temos uma nova filosofia. Sempre quando chega um treinador a conta é zerada. Precisamos trabalhar esses três jogos, que conte com o apoio da nossa torcida”.

O treinador ainda falou sobre a importância dos jogos finais:

“Permanecer na Série A vai ser como um título de Copa do Mundo para nós”, completou.

Lisca admitiu que não tem pretensão, por enquanto, de garantir uma sequência de trabalho em 2017. O treinador afirmou que tem boa relação com os dois candidatos à presidência, Pedro Affatato e Marcelo Medeiros, mas que o momento é de se concentrar nos três jogos restantes nesta temporada.

 

Rádio Gaúcha

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Foto: Brigada Militar / Divulgação

Bandidos tentaram abrir cofre com uso de maçarico.

Foto: Divulgação

Vítima foi rendida por um jovem que fez menção de estar armado

tempo bom

Região terá máxima de 28°C nesta segunda-feira

Foto: Reprodução / RBS TV

Voto popular vai definir o vencedor entre as três entidades tradicionalistas que estão na disputa.