Giro do Vale / Educação / País

Polícia Federal apura novo vazamento de gabarito do Enem

Quadrilha teria conseguido com antecedência respostas de provas.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Um grupo que vazou o gabarito de provas de Ciências Humanas e Ciências da Natureza do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi descoberto em investigações conjuntas da Polícia Federal e Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). A ação, divulgada no programa Fantástico da Rede Globo, mostra integrantes da quadrilha informando as respostas para candidatos, por meio de um ponto eletrônico. Todo o gabarito de Ciências da Natureza foi ditado em menos de sete minutos.

O ministro da Educação, Mendonça Filho, afirmou que as fraudes descobertas não colocam em risco o Enem.

“O calendário está mantido. As fraudes são resultado de uma ação de inteligência articulada entre Polícia Federal e Inep. Os responsáveis serão punidos e os candidatos envolvidos na ação fraudulenta, excluídos”, disse.

De acordo com as investigações, a quadrilha atua em três Estados. Duas pessoas foram presas. O pagamento pelo gabarito variava entre R$ 40 mil e R$ 50 mil.

Este é o segundo vazamento divulgado no Enem deste ano. Na semana passada, foram identificadas fraudes no Amapá e Ceará. Quatorze pessoas foram presas.

 

Rádio Gaúcha

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Segundo os bombeiros, houve a perda de materiais de uso agrícola, alguns terneiros e suínos.

Três elementos encapuzados e armados realizaram a ação criminosa e levaram um carro das vítimas.

O acidente ocorreu próximo à Vonpar Alimentos, na altura do km 77 da ERS-130.