Giro do Vale / Destaque / País / Polícia

Eike Batista tem prisão decretada em nova fase da Lava Jato

Empresário estaria em viagem no exterior, segundo advogado.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A Polícia Federal cumpre na manhã desta quinta-feira, mandados de prisão preventiva, conduções coercitivas e buscas e apreensões no Rio de Janeiro. As diligências são parte da Operação Eficiência, segunda fase da Calicute, desdobramento da Lava Jato em solo carioca. Entre os alvos de prisão preventivas estão o empresário Eike Batista e o vice-presidente de futebol do Flamengo Flávio Godinho, ex-braço direito de Eike.

A investigação mira pagamentos de propina envolvendo o ex-governador Sergio Cabral, que também é alvo de um mandado de prisão preventiva – o peemedebista já está preso em Bangu. Os outros alvos da operação são Sergio Castro, apontado como operador do esquema, Francisco Assis, o doleiro Álvaro Galliez, Thiago Aragão, ex-sócio da esposa de Cabral, e três pessoas ligadas a Cabral que já estão presa – Wilson Carlos, Carlos Emanuel Miranda e Luiz Carlos Bezerra.

Além deles, o irmão de Cabral, Maurício de Oliveira Cabral Santos e Suzana Neves Cabral, sua ex-mulher, são alvos de condução coercitiva.

Todas as diligências tiveram origem nos desdobramentos da investigação sob tutela do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio de Janeiro. Na fase de hoje, as informações foram coletadas em dois acordos de colaboração que abordaram os detalhes do esquema de lavagem de dinheiro por trás dos desvios praticados pelo grupo do ex-governador Sergio Cabral.

Fases anteriores:

1ª fase (17/03/2014) – PF deflagra a Operação Lava Jato em sete estados e cumpre 130 mandados judiciais;

2ª fase (20/03/2014) – PF cumpre 6 mandados de busca e 1 de prisão temporária;

3ª fase (11/04/2014) – PF cumpre 16 mandados de busca, 3 de prisão temporária e 6 de condução coercitiva;

4ª fase (11/06/2014) – PF cumpre 1 mandado de busca e 1 mandado de prisão preventiva;

5ª fase (01/07/2014) – PF cumpre 7 mandados de busca, 1 de prisão temporária e 1 de condução coercitiva;

6ª fase (22/08/2014) – PF cumpre 15 mandados de busca e 1 de condução coercitiva;

7ª fase (14/11/2014) – PF cumpre 49 mandados de busca, 6 de prisão preventiva, 21 de prisão temporária e 9 de condução coercitiva;

8ª fase (14/01/2015) – PF cumpre 1 mandado de prisão preventiva;

9ª fase (05/02/2015) – PF cumpre 40 mandados de busca e apreensão, 18 de condução coercitiva, 3 mandados de prisão temporária e 01 de prisão preventiva;

10ª fase (16/03/2015) – PF cumpre 2 mandados de prisão preventiva, 4 de prisão temporária e 12 mandados de busca e apreensão. Etapa denominada “Que país é esse”.

11ª fase: (10/04/2015) – PF cumpre 7 mandados de prisão, 9 de condução coercitiva e 16 de busca e apreensão. Etapa denominada “A Origem”.

12ª fase: (15/04/2015) – PF cumpre 2 mandados de prisão preventiva e temporária, um de busca e apreensão e mais um mandado de condução coercitiva.

13ª fase: (21/05/2015) – PF cumpre seis mandados judiciais, sendo quatro de busca e apreensão, um mandado de condução coercitiva e um de prisão preventiva.

14ª fase: (19/06/2015) – PF cumpre 59 mandados judiciais, sendo 38 de busca e apreensão, nove de condução coercitiva, oito de prisão preventiva e mais quatro de prisão temporária.

15ª fase: (02/07/2015) – PF cumpre quatro mandados de busca e apreensão, além de um mandado de prisão preventiva. Etapa chamada de Conexão Mônaco.

16ª fase: (28/07/2015) – PF cumpre 30 mandados judiciais, sendo 23 mandados de busca e apreensão, dois mandados de prisão temporária e cinco mandados de condução coercitiva. Etapa denominada Radioatividade.

17ª fase: (03/08/2015) – PF cumpre 40 mandados judiciais, sendo 26 mandados de busca e apreensão, três de prisão preventiva, cinco de prisão temporária e seis de condução coercitiva. Etapa foi chamada de Pixuleco, termo usado para nominar a propina recebida em contratos.

18ª fase: (13/08/2015) – PF cumpre 11 mandados judiciais, sendo um de prisão temporária e 10 de busca e apreensão. Etapa foi chamada de Pixuleco II, termo usado para nominar a propina recebida em contratos.

19ª fase: (21/09/2015) – PF cumpre 11 mandados judiciais, sendo sete mandados de busca e a apreensão, um mandado de prisão preventiva, um mandado de prisão temporária e dois mandados de condução coercitiva. Etapa foi chamada de Nessum Dorma.

20ª fase: (16/11/2015) – PF cumpre 11 mandados de busca e apreensão, dois de prisão temporária e cinco de condução coercitiva. Etapa foi chamada de Corrosão.

21ª fase: (24/11/2015) – PF cumpre 25 mandados de busca e apreensão, um mandado de prisão e seis de condução coercitiva. Etapa foi chamada de Passe Livre.

22ª fase: (27/01/2016) – PF cumpre seis mandados de prisão temporária, dois de condução coercitiva e 15 de busca e apreensão. Etapa foi chamada de Triplo X.

23ª fase: (22/02/2016) – PF cumpre 51 mandados judiciais, sendo 38 de busca e apreensão, dois de prisão preventiva, seis de prisão temporária, cinco de condução coercitiva. Etapa foi chamada de Acarajé.

24ª fase: (04/03/2016) – PF cumpre 44 mandados judiciais, sendo 33 de busca e apreensão e 11 de condução coercitiva. Etapa foi chamada de Aletheia.

25ª fase: (21/03/2016) – PF cumprem mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva referente a Raul Schmidt Felipe Junior, Etapa foi chamada de Polimento.

26ª fase: (22/03/2016) – PF cumpre 110 mandados judiciais, sendo 28 mandados de condução coercitiva, 11 mandados de prisão temporária e quatro de prisão preventiva. Outros 68 mandados de busca e apreensão foram cumpridos. A etapa foi chamada de Xepa.

27ª fase: (01/04/2016) – PF cumpre 12 ordens judiciais, sendo oito mandados de busca e apreensão, dois de prisão temporária e dois de condução coercitiva. A etapa foi chamada de Carbono 14.

28ª fase: (12/04/2016) – PF cumpre 21 ordens judiciais, sendo 14 mandados de busca e apreensão, um mandado de prisão preventiva, dois mandados de prisão temporária e quatro mandados de condução coercitiva. A etapa foi chamada de Vitória de Pirro.

29ª fase: (23/05/2016) – PF cumpre seis mandados de busca e apreensão, um de prisão preventiva e dois mandados de prisão temporária. A etapa foi chamada de Repescagem.

30ª fase: (24/05/2016) – PF cumpre 28 mandados de busca e apreensão, dois de prisão preventiva e nove de condução coercitiva. A etapa foi chamada de Vício.

31ª fase: (04/07/2016) – PF cumpre um mandado de prisão preventiva, sete de condução coercitiva, 23 de busca e apreensão e quatro de prisões temporária. A etapa foi chamada de Abismo.

32ª fase: (07/07/2016) – PF cumpre 17 ordens judiciais, sendo 10 mandados de busca e apreensão e outros sete de condução coercitiva. A etapa foi chamada de Caça-Fantasmas.

33ª fase: (02/08/2016) – PF cumpre 32 ordens judiciais, sendo dois de prisão temporária, um de prisão preventiva, seis de condução coercitiva e 23 de busca e apreensão. A etapa foi chamada de Resta Um.

34ª fase: (22/09/2016) – PF cumpre 49 mandados judiciais, sendo 33 mandados de busca e apreensão, oito mandados de prisão temporária e oito mandados de condução coercitiva. A etapa foi chamada de Arquivo X.

35ª fase: (22/09/2016) – PF cumpre 45 ordens judiciais, sendo 27 mandados de busca e apreensão, três mandados de prisão temporária e 15 mandados de condução coercitiva. A etapa foi chamada de Omertà.

36ª fase: (10/11/2016) – PF cumpre 18 mandados judiciais, sendo 16 de busca e apreensão e dois de prisão preventiva. A etapa foi chamada de Dragão.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

tempo

Com mudança de tempo, marcas não devem passar dos 25°C

Foto: Divulgação

Provas estão previstas para acontecer no dia 23 de dezembro

Imagem: Ilustração

Mais informações podem ser obtidas na prefeitura ou pelo telefone (51) 3766-1255

Foto: Divulgação

Presidente deve aproveitar a internação para passar por avaliação do procedimento urológico a que foi submetido