Giro do Vale / Esporte / Inter

Inter busca ser criativo para suprir desequilíbrio do grupo

Clube depende da finalização de mapa financeiro para realizar investimentos em reforços.

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Com os cofres raspados, a criatividade será a principal arma dos dirigentes colorados na busca por reforços para a temporada que está se iniciando. Há várias tratativas ocorrendo simultaneamente neste momento, porém, dificilmente o grupo estará fechado — nem perto disso — na próxima semana, quando ocorre a reapresentação após as férias.

“Temos de ser criativos. O Inter já tem um grupo qualificado, mas como eu já disse outra vezes, ele está desequilibrado. Precisamos de reforços para suprir carências que estão bem claras”, observa o vice-presidente de futebol, Roberto Melo. Segundo ele, há pouco dinheiro em caixa, mas isso não será empecilho: “Se tivermos de fazer investimentos, vamos fazer. Mas estamos analisando várias situações”, desconversa o dirigente.

Em outro ponto do Beira-Rio, o novo vice de administração e finanças do Inter, Alessandro Barcellos, trabalha para conhecer melhor a realidade do clube. Desde que Marcelo Medeiros assumiu a presidência, na terça-feira, Barcellos deixou o estádio praticamente apenas para dormir. “Estamos trabalhando para viabilizar os investimentos que o futebol precisa. O clube precisa disso. Vamos trabalhar para reduzir custos em outras áreas para alavancar o futebol”, diz.

O mapa do fluxo de caixa para os próximos meses, que deverá dizer exatamente quanto e quando Roberto Melo poderá investir, ainda não foi finalizado. “Temos de trabalhar em conjunto com o futebol, mas é claro que vamos fazer investimentos com base na realidade. Ou seja, sem contratações de custos estratosféricos”, afirma Barcellos.

Empréstimo de Néris 

Por enquanto, os dirigentes do futebol contrataram o atacante Roberson, que veio sem custo porque seu contrato com o Juventude se encerrou no final de dezembro. Outro jogador pretendido, que deve ser anunciado a qualquer momento, é o zagueiro Néris, que jogou o Brasileirão pelo Santa Cruz e também deve chegar sem custo. O Inter negocia o seu empréstimo por um ano, com possibilidade de compra dos direitos após este período.

Melo procura ainda jogadores para as duas laterais — principalmente se William realmente for vendido — e para o setor ofensivo. Marcelo Cirino, atacante observado pelo clube há pelo menos três temporadas, é um dos objetivos, mas o Flamengo fez um investimento alto para tirá-lo do Atlético-PR há dois anos e exige uma compensação proporcional do Inter. O grupo colorado volta ao trabalho na próxima quarta-feira (dia 11). O primeiro jogo oficial está marcado para 1º de fevereiro, contra o Brasil de Pelotas, no Beira-Rio, pela Primeira Liga.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Bandidos fugiram em um veículo Civic de cor prata.

Três indivíduos foram presos na ação conjunta da polícia.

Após registro o homem foi conduzido ao sistema prisional

Vítima levou uma coronhada na cabeça e precisou ser encaminhada ao hospital.