Giro do Vale / Destaque / Estado / Geral

Governo remete à Assembleia reajuste de 6,47% no salário mínimo regional

Projeto não deve ser votado antes de março, embora índice seja retroativo a 1º de fevereiro.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O governo estadual protocolou nesta quarta-feira, dia 1º, na Assembleia Legislativa, o projeto de reajuste do salário mínimo regional. O índice é de 6,47% – abaixo do que pediam as centrais sindicais e semelhante à correção do mínimo nacional. Os trabalhadores queriam aumento de 10,45% sobre o benefício. Já os empresários não apresentaram nenhuma proposta de elevação salarial durante as reuniões setoriais para debater o tema.

A proposta de reajuste também é similar à aplicada em outros estados do país onde existe salário regional. Já o piso nacional passou de R$ 880 para R$ 937. O percentual de aumento ainda precisa ser aprovado pelos deputados, apesar de ser retroativo a 1º de fevereiro. A matéria, porém, não deve ser votada antes de março.

Caso o índice seja aplicado às faixas salariais do mínimo regional, os novos valores aproximados serão os seguintes:

1ª faixa: de R$ 1.103 para R$ 1.175

2ª faixa: de R$ 1.129 para R$ 1.202

3ª faixa: de R$ 1.154 para R$ 1.229

4ª faixa: de R$ 1.200 para R$ 1.278

5ª faixa: de R$ 1.398 para R$ 1.489

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Criminosos levaram dinheiro do caixa, e não foram mais localizados.

Os proprietários possuem três lojas, e todas foram alvo de furto ou roubo nos últimos meses. 

As vítimas registraram as ocorrências na delegacia. 

Soldados subiram as escadas e, após tratativas, conseguiram agarrar o cidadão, evitando a queda.