Giro do Vale / Esporte / Grêmio / Inter

Grêmio e Inter fazem grande Gre-Nal e empatam em 2 a 2

Tricolor saiu na frente, Colorado buscou a virada, mas sofreu o empate no fim.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Um grande Gre-Nal começou com domínio gremista, mas num dia de ousadia dos técnicos, o Inter chegou a virar a partida antes de um golaço de Fernandinho decretar o empate em 2 a 2. O segundo tempo foi todo ataque e premiou a torcida com belas atuações neste sábado na Arena.

Este resultado deixa o Grêmio na vice-liderança, com 11 pontos. O Inter vai a sete pontos, na quinta colocação. Ambos aguardam o fechamento da rodada, entretanto.

O primeiro tempo do Gre-Nal foi de muita velocidade e predomínio do Grêmio. Mais organizado, o Tricolor tocava a bola de forma incisiva e ainda aproveitou um contragolpe para abrir o placar, num dos poucos ataques do Inter.

Domínio tricolor

Os comandados de Renato Portaluppi apresentaram armas aos sete minutos. Michel roubou a bola de D’Alessandro e lançou Luan. Ele tocou com Pedro Rocha, que serviu Bolaños na área. Mas o equatoriano demorou para chutar e Paulão surgiu para afastar.

Três minutos depois, Danilo Fernandes precisou trabalhar. Bolaños recebeu na direita, chutou de longe e houve desvio. No reflexo, o goleiro colorado catou firme.

O Inter tentou avançar a marcação, mas acabou castigado logo após sua melhor chance de abrir o placar. Aos 21 minutos, Dourado recebeu na área e rolou para trás. Brenner tocou no meio para William, mas na cara do gol ele chutou mascado. Geromel bateu para frente e iniciou o contra-ataque do gol.

Ramiro dominou no meio e, entre dois marcadores, conseguiu lançar Pedro Rocha livre na esquerda. O garoto disparou pela esquerda e serviu Bolaños na cara do gol. Com qualidade, o equatoriano fulminou o 1 a 0, sem chances para Danilo.

O Tricolor não se contentou e seguiu na pressão para ampliar, só que passou a desperdiçar chances. Aos 24, Michel tabelou pelo alto com Bolaños e emendou um peixinho que passou à direita do gol.

Antes da virada, Bolaños protagonizou um dos lances mais bonitos da partida. Michel levantou curto na entrada da área e o equatoriano puxou a bicicleta. Bateu forte, mas à esquerda do gol. Foi só no minuto seguinte que o Inter deu o primeiro chute da partida. Carlinhos mandou uma bomba da esquerda que Marcelo Grohe afastou de soco. No rebote, Charles tentou o chute, mas carimbou a defesa.

Reação fulminante do Inter

Na volta do intervalo, contudo, Antônio Carlos Zago ousou e foi com tudo para cima. Colocou Nico Lopez e Roberson nos lugares de Carlos e Charles. A alteração deu resultado imediato, com o Inter em cima do Grêmio.

Aos seis minutos, Nico Lopez recebeu na direita, puxou para o meio e chutou forte. A bola desviou e Grohe fez defesa difícil no canto direito. Quatro minutos depois, veio o gol de empate. Em contragolpe, Roberson recebeu livre, tabelou com Brenner e fulminou no canto esquerdo, sem chances para Grohe.

O Grêmio sentiu o golpe e sofreu a virada em dois minutos. Na pressão colorado, Carlinhos lançou Brenner na cara do gol e o centroavante encobriu Grohe na saída do goleiro para correr para o abraço.

Foi a vez de Renato mandar o time para frente. Tirou Pedro Rocha para promover a estreia de Lucas Barrios. Em seguida, Fernandinho entrou no lugar de Michel. Primeiro, Barrios cabeceou para grande defesa de Danilo Fernandes. Depois, aos 23 minutos, o empate num jogo cheio de alternativas.

Ramiro recebeu na esquerda e viu Fernandinho no lado oposto. Ele abriu bola e o atacante, no primeiro lance na partida, fez uma pintura de gol. Tirou Dourado no domínio e chutou com muito efeito. A bola contornou a marcação, o goleiro Danilo e entrou no ângulo esquerdo para o 2 a 2.

A partida seguiu imprevisível, com os dois times acumulando chances, e desperdiçando. Aos 32, Nico Lopez recebeu na área, tirou a marcação e chutou. Geromel se atirou na frente para evitar o gol. A resposta gremista veio em grande jogada de Barrios. O paraguaio lançou Bolaños na frente do gol, mas o chute de voleio saiu por cima, mantendo a igualdade.

Gauchão – 6ª rodada

Grêmio 2

Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Michel (Fernandinho), Jaílson (Lincoln), Ramiro e Bolaños; Pedro Rocha (Lucas Barrios) e Juan. Técnico: Renato Portaluppi.

Inter 2

Danilo Fernandes; William, Léo Ortiz, Paulão e Carlinhos; Rodrigo Dourado, Charles (Roberson), Uendel e D’Alessandro; Carlos (Nico López) e Brenner (Anselmo). Técnico: Antonio Carlos Zago.

Gols: Bolaños (21min/1ºT) e Fernandinho (23min/2ºT), para o Grêmio; Roberson (10min/2ºT) e Brenner (12min/2ºT), para o Inter.

Cartões amarelos: Michel, Bolaños, Luan, Geromel (G); Léo Ortiz, Nico López, Anselmo, Paulão, D’Alessandro (I).

Arbitragem: Leandro Vuaden, auxiliado por Lúcio Flor e José Calza.

Local: Arena.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Programação inicia pela manhã, e contará com jogos ao longo do dia, e almoço na casa do Rudibar.

Somente com jogadores da cidade, equipe vai para sua primeira experiência na competição regional.

Droga estava escondida em compartimentos ocultos dentro de um veículo Hyundai I30.

Terceira etapa da competição de corrida e caminhada acontece no domingo, dia 22.