Giro do Vale / Polícia / Santa Cruz do Sul

Polícia diz que mãe mandou matar filha por ciúmes em Santa Cruz do Sul

Padrasto confirmou a autoria do crime e detalhou o assassinato.

Foto: Divulgação

Adolescente teria sido morta pelo padrasto a mando da própria mãe. (Foto: Divulgação)

A adolescente Francine Sins Matias da Silva, de 13 anos, foi morta pelo padrasto a mando da mãe por ciúmes. Esta é a conclusão preliminar da investigação que está em andamento na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Santa Cruz do Sul.

Os detalhes do caso foram divulgados no fim da manhã desta sexta-feira, dia 21, pela delegada Lisandra de Castro de Carvalho em uma coletiva de imprensa. No início da madrugada, a mãe de Francine, Geni Sins, de 54 anos, foi presa preventivamente pela Brigada Militar por ordem da Justiça. O pedido havia sido feito na noite dessa quinta pela delegada, após entender que Geni seria a mandante do crime. Ela nega participação no crime.

A investigação avançou substancialmente após a prisão de Ronaldo dos Santos, de 30 anos, no fim da manhã dessa quinta-feira, 20. Em depoimento prestado à tarde, ele confessou o crime e mais: contou em detalhes como fez para matar a adolescente asfixiada.

Mas o que surpreendeu a polícia foi a motivação: Geni desconfiava que o companheiro (e sobrinho) Ronaldo mantivesse um relacionamento amoroso com a adolescente (sua enteada e prima, portanto). No depoimento à delegada, Ronaldo disse que mantinha inclusive relações sexuais com Francine desde o início do ano.

Para dar fim ao caso, ainda no fim do ano passado Geni teria oferecido R$ 1 mil para que Ronaldo matasse a enteada. No entanto, eles teriam chegado a um acerto recentemente, quando o padrasto decidiu executar a adolescente. A negociação incluía também um possível pagamento da moto dele. E foi com o cordão do chaveiro desta moto que ele asfixiou Francine.

Após o depoimento em que Ronaldo assumiu a autoria do crime e indicou que a companheira seria a mandante, a delegada ouviu Geni no fim da tarde dessa quinta-feira, dia 20. Ao ser perguntada se tinha mesmo envolvimento no crime, a mãe de Francine passou mal e chegou a ser levada ao Hospitalzinho. A reação dela – considerada “teatrinho” pela delegada – foi decisiva para que Lisandra de Castro de Carvalho pedisse a prisão preventiva de Geni.

A delegada já havia achado estranho o fato de Geni dar a filha como morta antes mesmo da localização do corpo, na manhã do último sábado, 15. A menina havia sumido na véspera e a mãe logo chamou a polícia alegando que Francine havia saído para comprar chocolates e não mais retornou. A frieza de Geni quando da localização do corpo também foi algo atípico, segundo a polícia.

Segundo a delegada, Geni e Ronaldo deverão ser indiciados por feminicídio, agravado pela asfixia e por envolver uma possível recompensa. Ele também vai responder por estupro de vulnerável, uma vez que Francine tinha 13 anos. Geni também poderá vir a responder por crime sexual caso seja comprovado que tinha conhecimento da relação íntima entre o companheiro e a filha.

 

Portal GAZ

Comentários

  1. Anônimo disse:

    Uma mae dessa nao merecia nem cadeia meresia morrer mae jamais troca filhos por homem e ele teria que morrer ele e. a mae que e mae nao troca filhos sao dois pior que um animal tem que matar os dois nao merece cadeia e nogento tu ver uma adolecente morrer dessa forma sao dois demonios cadeia e pouco na minha opiniao tem q morrer os dois cadeia e lucho pr os dois q mae e esa e nojento e revoltante da nojo

  2. Anônimo disse:

    Mais uma morte agora e uma adolecente me da nojo de uma mae mandar matar a filha por causa de majo eu pergunto cadeia e pouco eu mataria os dois q vao pra cadeia pr comer nas costa dos trabalhadores isto e nojento eu me revolto ouvir certas noticias meresem morrer os dois eu sei q nao vai trazer ela de volta sao piores q animais o animal e mais humano. e nogento merecem cadeia merecem morrer

  3. anonimo disse:

    isso não se chama mãe.
    .isso é um mostro

  4. Rosana disse:

    “Que horror, estamos no fim do mundo

  5. Alessandra disse:

    Fico enojada, quando leio notícias assim, quando vejo uma mãe trocar um filho que foi gerada dentro de você, por um homem . Apesar de saber que muitas mulheres disputam a atenção do parceiro, mas mandar matar a própria filha . Realmente é o fim dos tempos , na própria biblia diz que no fim dos tempos o amor de muitos se esfriaria. Misericórdia

  6. Anônimo disse:

    Q do meu Deus …Porq um mostro desses gera filhos
    Himagina oq essa criança passou

  7. Danielli disse:

    É claro que esse desgraçado ia falar que foi consensual… A menina não pode desmentir, e ia aparecer na autópsia que ela teve relações sexuais, mais vale ser preso por matar e ter relação “consensual” do que ser preso por homicídio e estupro ¬¬’ Se ela tivesse 15 anos ou mais esse escroto não ia responder.

    E o que falar dessa “mãe”? Essa coisa não merece esse título.

Publicidade

Últimas Notícias

Material estava em tonéis, e foi levado em ação que durou cerca de 5 minutos.

O suspeito, que já foi três vezes preso por furto em pouco mais de um mês, estava no interior do carro.

Veículo estava abandonado em uma rua do Bairro Pinheiros.

Decisões no mês de agosto fazem comissão técnica pensar em preservar jogadores importantes.