Giro do Vale / Destaque / Geral

Tradição de comer peixe, movimenta feiras na Semana Santa

Recanto do Peixe em Bom Retiro do Sul comercializa diversas espécies de carpa nesta quinta e sexta-feira.

Foto: Joel Moraes / Giro do Vale / Especial

Foto: Joel Moraes / Giro do Vale / Especial

A tradição de comer peixe na Sexta-feira Santa está movimentando as feiras realizadas na região para a comercialização dessa carne. Em Bom Retiro do Sul o produtor Décio Beppler já ultrapassou o número de 20 edições da feira que realiza na sua propriedade chamada de Recanto do Peixe. Neste ano ele atende em sua propriedade durante toda a quinta-feira e na sexta-feira, dia 14, até as 12h.

O produtor comemora a qualidade, e quantidade de peixe que conseguiu produzir para oferecer aos consumidores nesta edição. “Neste ano deu tudo certo no processo de alimentação e criação dos peixes, com isso temos um produto de qualidade para oferecer para os clientes”, comenta.

Além de realiza a feira em sua propriedade, Beppler também tem um ponto de venda no Centro de Bom Retiro do Sul, junto ao Figueirão, onde atende durante toda esta quinta-feira. São comercializadas várias espécies de carpa.

Peixe e música ao vivo

Um dos diferenciais para quem visita a sua propriedade, é a possibilidade de comer um peixe frito na hora, acompanhado de uma bebida. Por contar com uma grande estrutura, em toda Quinta-feira Santa, é realizado evento com música ao vivo, e neste ano não será diferente. Além de peixe frito, e bebidas, o público também terá como atração musical, o Trio Canarinhos do Sul.

Feiras em Bom Retiro do Sul:

-Recanto do Peixe (Décio Beppler) –Cruz das Almas
-Faxinal do Silva Jorge, no Cilon
-Junto à Feira do Produtor
-Supermercado Portz
-No Figueirão, próximo a lotérica
-Supermercado Languiru

-Propriedade de Maria Helena Rosa – Fax. Nossa Sra. de Fátima
-Propriedade de Edson Leonardo de Souza – Faxinal do Silva Jorge
-Propriedade de Eli Hart, Licão – Goiabeira
-Propriedade de Osmar Fink – São João

Feira em Estrela:

Em Estrela nesta quinta-feira, está acontecendo a venda de peixe das 7h às 19h, sem fechar ao meio dia. Os consumidores que se deslocarem à Praça Henrique Roolaart, junto a Feira do Produtor, terão à sua disposição mais de 2,5 mil quilos de peixe por dia. São oferecidas quatro variedades de carpa: capim (R$ 9); e cabeça grande, húngara e prateada (R$ 8,50). Também algumas traíras.

 

Giro do Vale

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Vinte e dois anos depois, o clube gaúcho tem nova chance de reconquistar o planeta.

Indivíduo acabou sendo liberado por falta de vagas no presídio.

Dois foram enquadrados por furto e um por receptação.

O sinistro ocorreu na vegetação nas imediações da alça de acesso ao Porto de Estrela, no sentido interior – capital.