Giro do Vale / Esporte / Inter

Danilo Fernandes é aprovado no teste, e deve jogar a final entre Inter e Noia

Goleiro, que não atua há 32 dias, trabalhou até bola aérea no treino.

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Danilo Fernandes não está 100%, é fato. Mas o goleiro do Inter para a final do Gauchão está perto disso. No treino do Inter com portões fechados na manhã deste sábado, no Estádio Centenário, o local da decisão com o Novo Hamburgo, em Caxias do Sul, o camisa 1 foi testado em defesas pelo alto e saídas de bola. Tudo para que o goleiro sinta o mínimo possível dores por impacto.

Danilo passou por uma cirurgia na base do dedo mínimo do pé esquerdo, 32 dias atrás, não joga desde então e terá de atuar com o pé enfaixado, a fim de minimizar um possível incômodo provocado pela fratura ocorrida no começo de abril.

O goleiro passou no teste e está apto para a decisão. Na parte final do treino, Danilo e Marcelo Lomba foram preservados do rachão. Os novatos Daniel e Igor, goleiros da base, ocuparam os postos ao encerramento do treino.

O treinamento deste sábado, que durou pouco mais de uma hora com portões fechados, também teve como foco trabalhar o posicionamento do time na bola parada e as cobranças de pênaltis – uma necessidade, que valerá o título estadual, em caso de empate.

Ainda que Danilo e Lomba apresentem condições bem melhores de jogo, do que dias atrás, haverá um esforço maior da defesa para evitar os ataques do Novo Hamburgo.

“É impossível se evitar que uma equipe chute a gol. Mas temos de ter muita posse de bola. Time que tem a bola minimiza as chances de gols do adversário”, ensina o volante do Inter Edenilson.

 

Rádio Gaúcha

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Time colorado joga pelo empate fora de casa nesta primeira fase.

Uma terceira vítima foi encaminhada ao hospital e não corre risco de morte.

Por motivos desconhecidos um Astra, que seguia em direção a Arroio do Meio, teria invadido a pista contrária e colidido de frente com a Saveiro.

Homem que arremessou objetos para o interior do pátio do presídio, chegou a disparar um tiro contra um policial.