Giro do Vale / Bom Retiro do Sul / Destaque / Esporte

7 de Setembro de Capitão, bate o Rudibar pelo Grupo D do Regional Aslivata

Fato negativo durante o confronto, foram as insinuações racistas de alguns torcedores do time da casa contra um atleta da equipe visitante.

Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Na tarde deste domingo, dia 20, o 7 de Setembro de Capitão, recebeu em sua praça esportiva o Rudibar de Bom Retiro do Sul, em jogo válido pela quarta rodada do Grupo D. No confronto de aspirantes vitória do Rudibar. Nos titulares vitória dos donos da casa.

Titulares

No confronto de titulares a equipe de Capitão mostrou um bom entrosamento e tomou as principais atitudes de ataque da partida. Em uma das investidas, o 7 de Setembro teve um pênalti assinalado a seu favor. O atacante Tadeu foi para a cobrança e colocou os donos da casa em vantagem.

A equipe do Rudibar parecia não se encontrar dentro da partida, e em nova investida ao ataque a bola sobrou novamente para Tadeu, que marcou o seu segundo gol no confronto. Assim a partida foi para o intervalo. 7 de Setembro 2 x 0 Rudibar.

No segundo tempo o Rudibar começou mostrando um pouco mais de atitude ofensiva, porém quem chegou ao gol foi o 7 de Setembro. Em uma cobrança de bola parada, Vagner subiu mais alto que a defesa e colocou os donos da casa em vantagem ainda maior.

Quase no final da partida, o Rudibar chegou ao seu gol de honra. Após uma bola alçada na área, Fernando subiu no alto e testou a bola para o fundo da rede. No final 7 de Setembro 3 x 1 Rudibar.

Com apenas um ponto conquistado, o Rudibar entrou na rodada em penúltimo de seu grupo. Pode até ter caído para último dependendo do resultado do Guarani de Lajeado, que até então estava na lanterna. O 7 de Setembro de Capitão foi a 7 pontos, e depende do fechamento da rodada para também saber em qual posição ficará. Até então era o terceiro do grupo.

Zagueiro Jefu, teria sofrido insinuações racistas de parte da torcida adversária. Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Zagueiro Jefu, teria sofrido insinuações racistas de parte da torcida adversária. Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Ato de racismo

Antes do gol de desconto do Rudibar o jogo foi paralisado pela arbitragem. A equipe visitante reclamou de atos racistas, de uma parte da torcida da equipe da casa, contra o zagueiro Jefu. Jogadores e dirigentes da equipe de Capitão, chegaram a pedir para a torcida não fazer tais manifestações. Após mais de cinco minutos de bola parada, a partida recomeçou.

Ainda não há informação, se a arbitragem registrou em súmula o possível ato de racismo, e nem se o jogador registrou ocorrência sobre o fato.

Aspirantes

No jogo que abriu os trabalhos esportivos na casa do 7 de Setembro, o que se viu foi uma partida equilibrada. O Rudibar, porém conseguiu marcar um gol e garantir mais três pontos. Em uma bola parada, o capitão Cássio marcou e garantiu assim a liderança no Grupo D.

Cássio marcou o gol que garantiu a liderança do grupo aos aspirantes do Rudibar. Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Cássio marcou o gol que garantiu a liderança do grupo aos aspirantes do Rudibar. Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

 

Veteranos

No jogo da categoria Veteranos, o Rudibar enfrentou a equipe do Pinheiros em Taquari durante a manhã. Os bom-retirenses foram goleados por 5 a 1 e seguem na lanterna da competição em sua categoria.

 

Giro do Vale

Veja mais imagens

Zagueiro Jefu, teria sofrido insinuações racistas de parte da torcida adversária. Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Clique para ampliar

Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Clique para ampliar

Cássio marcou o gol que garantiu a liderança do grupo aos aspirantes do Rudibar. Foto: Juliano Beppler / Giro do Vale

Clique para ampliar

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Foto: Divulgação

Diesel teve aumento de 1,00% no preço

Foto: Divulgação

Ministro do STF concedeu liminar acolhendo mandado de segurança apresentado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP)

Foto: PRF / Divulgação

Homem foi detido durante averiguação na estrada e chamou mulher para ajudar na liberação do carro