Giro do Vale / Geral / País

Naufrágio em Salvador deixa ao menos 22 mortos. Governo decreta luto de 3 dias

A lancha transportava mais de 100 pessoas. As buscas continuam sendo realizadas.

Foto: Juliana Almirante / G1 / Divulgação

Foto: Juliana Almirante / G1 / Divulgação

O 2° Distrito Naval de Salvador, na Bahia, confirmou que pelo menos 22 pessoas morreram no naufrágio de uma lancha na manhã desta quinta-feira, dia 24. Foram resgatadas, até o momento, 21 pessoas com vida e as buscas continuam no local. O governador do estado da Bahia decretou luto oficial de três dias devido à tragédia. A lancha transportava mais de 100 pessoas e virou durante a travessia entre Mar Grande, na Ilha de Itaparica, e Salvador.

As vítimas estão sendo encaminhadas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Mar Grande e para o Hospital do Subúrbio, em Salvador.

Segundo a Central de Telecomunicações das Polícias Civil e Militar (Centel), equipes da Polícia Militar, do Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros, da Capitania dos Portos e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram encaminhadas até o local para dar suporte na busca pelas vítimas. A Centel informou ainda que embarcações particulares auxiliaram nos primeiros resgates.

Em nota, o prefeito de Salvador, ACM Neto, e o governador da Bahia, Rui Costa, lamentaram o ocorrido. “Neste momento de profunda dor, presto minha solidariedade às vítimas e seus familiares e, ao mesmo tempo, informo que todos os órgãos da Prefeitura estão envolvidos para ajudar no atendimento social, psicológico e nos primeiros socorros às pessoas”, disse ACM Neto.

O governador Rui Costa também manifestou solidariedade às vítimas e suas famílias. “Estou acompanhando pessoalmente esta difícil operação desde cedo e todas as providências foram tomadas imediatamente, com o reforço dos nossos efetivos nas áreas da segurança e da saúde pública. Deus está conosco neste momento difícil e confiamos no empenho das equipes de resgate”, declarou.

 

Agência Brasil

Veja mais imagens

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Foram recuperados materiais possivelmente oriundos de furtos e roubos.

Um dos homens foi imobilizado por populares e o outro foi capturado no porão de uma casa.

Suspeito foi acompanhado por câmeras de videomonitoramento.

Chamas iniciaram na tarde da última quarta-feira