Giro do Vale / Estado / Geral

Governo ainda analisa depósito de R$ 170 a servidores nesta sexta

Secretaria da Fazenda vai avaliar caixa para definir parcela que exige R$ 60 milhões dos cofres públicos

A expectativa de mais um depósito para os servidores do Executivo estadual, referente à folha parcelada de agosto, não se concretizou na quinta-feira, dia 31. A possibilidade de serem pagos mais R$ 170 por matrícula vai ser discutida, na tarde desta sexta, dia 1º, a partir da análise do dinheiro em caixa a ser feita pelos técnicos da Secretaria da Fazenda. Para que cada servidor receba essa segunda faixa, são necessários cerca de R$ 60 milhões.

No pior mês de parcelamento desde 2015, a estimativa é de finalização dos depósitos somente em 13 de setembro. A situação só não é mais crítica por conta de uma liminar do Supremo Tribunal Federal que proíbe o governo federal de bloquear as contas do Estado pelo não pagamento da parcela mensal da dívida com a União.

Entre os servidores, a insatisfação só cresce. Policiais militares de folga vão promover uma caminhada de protesto, no fim da tarde desta sexta. Entre os policiais civis, escrivães da 3ª Delegacia de Canoas entregaram um documento ao delegado titular comunicando estarem deixando de participar de operações policiais na região Metropolitana. De acordo com o delegado Cleomar Marangoni, não devem ser prejudicadas atividades de rotina.

Segundo o diretor da Ugeirm Sindicato, Fábio Castro, em outras delegacias do interior há ações semelhantes por parte dos agentes civis. Além disso, ele estima que o movimento vá crescer. “É impossível conter o descontentamento com isso que o governador vem fazendo. É brincar com as categorias e colocar na conta dos servidores a culpa pela incompetência da gestão”, alegou.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Foto: Divulgação

Os corpos, que seriam de pai e filho, já estavam em avançado estado de decomposição

Foto: João Vilnei / Divulgação

Defesa Civil concentrou o atendimento aos moradores no ginásio do Corpo de Bombeiros em Santa Maria

Foto: Divulgação

Casa incendiou, mas os bombeiros conseguiram controlar as chamas

Foto: Brigada Militar / Divulgação

Indivíduo estava com crack, cocaína e maconha