Giro do Vale / Geral

Mais um caso de injúria racial teria ocorrido durante partida do Regional Aslivata

Atleta de Lajeado afirma ter sido chamado de macaco pela mãe de um dos jogadores do time adversário.

Um possível caso de injúria racial foi registrado na tarde deste domingo, dia 24, durante a partida da categoria aspirantes, do campeonato regional de futebol amador promovido pela Associação de Ligas do Vale do Taquari (Aslivata).

O fato teria ocorrido na praça esportiva do Clube Esportivo 11 Amigos, em Poço das Antas, durante a partida entre os aspirantes do Guarani/Mirim, de Lajeado, e a Assespe, de Venâncio Aires. Um atleta do Guarani, de 17 anos, morador do Bairro Morro 25, em Lajeado, teria sido chamado de ‘macaco’ pela mãe de um dos jogadores do time adversário.

Ela foi identificada no registro feito pelo pai da vítima na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Lajeado. Ele alega que há testemunhas do fato e deseja representar criminalmente contra a mulher pela injúria qualificada. A situação deve ser investigada.

Outro caso

Há cerca de um mês outro caso de injúria racial em partida realizada no mesmo campeonato promovido pela Aslivata, foi parar na delegacia. No dia 21 de agosto o jogador Jeferson Quaresma da equipe do Rudibar de Bom Retiro do Sul registrou ocorrência policial alegando ter sofrido insultos de origem racista durante partida contra a equipe do Sete de Setembro de Capitão. O caso segue sendo investigado.

 

Grupo Independente / Giro do Vale

Comentários

  1. Berbela disse:

    É lamentável até quando vão com essas barbaridades e nada acontece

Publicidade

Últimas Notícias

A imagem da mulher, morta, foi exposta em grupo de WhatsApp quando seu corpo estava sendo preparado para o velório

Quatro homens participaram do assalto e fugiram, levando um funcionário refém

Haverá intensa fiscalização nas estradas estaduais e federais do RS