Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio repete erros e perde a terceira seguida no Gauchão

Tricolor desabou no segundo tempo e sofreu 2 a 0 do São José no Passo D´Areia.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

O grupo de transição do Grêmio voltou a jogar mal e sofreu a terceira derrota seguida no Gauchão, neste domingo contra o São José no Passo D’Areia. As falhas defensivas voltaram a se repetir, o ataque não deu a mesma resposta e o resultado foi a vitória de 2 a 0 do Zequinha após uma série de erros tricolores. Com o resultado, o São José chega ao quarto lugar do estadual, com nove pontos. O Tricolor segue como vice-lanterna e volta a campo contra o Cruzeiro, no próximo sábado na Arena.

Os garotos gremistas mostraram um pouco mais de consistência defensiva, mas bem menos exuberância no ataque, no primeiro tempo. O São José apostou bastante na bola aérea, mas dessa vez quando a zaga não achou para espantar, Bruno Grassi conseguiu chegar antes. Alisson criou algumas chances para o Tricolor, mas as finalizações ficaram aquém das últimas rodadas.

Com o Zequinha marcando firme, a primeira chance gremista veio aos 10 minutos. Alisson combinou com Leo Gomes, que dominou na quina da área e chutou forte. A bola passou triscando o poste esquerdo. Alisson voltou a aparecer cobrando falta com perigo aos 12 minutos. Ele colocou na cabeça de Madson, que desviou para o gol, mas parou nas mãos do goleiro Fábio.

Aos 25, Balbino iniciou jogada com Pepê, que lançou Alisson na entrada da área. Veio o chute cruzado, mas direto em tiro de meta. O goleiro Fábio voltou a trabalhar no minuto seguinte. Pepê fez belo lançamento para Madson, que cruzou na área para Lima. O quique da grama sintética atrapalhou um pouco o garoto, que chutou sem força para a defesa.

Foi aos 28 que o São José criou sua melhor chance. Marcel cobrou escanteio na marca do pênalti e Bruno Jesus aparou de calcanhar. Bruno Grassi usou muito reflexo para cair firme no canto esquerdo e defender. No contra-ataque, Rafael Goiano salvou a cidadela do Zequinha. O goleiro Fábio saiu no meio da rua para tentar afastar, mas foi superado por Pepê. O garoto chutou de longe, sem goleiro, mas o zagueirão se atirou de cabeça para evitar o 1 a 0.

Antes do intervalo, Lima ainda perdeu mais uma chance de mexer no placar. Alisson disparou na esquerda e cruzou com açúcar na cara do gol. O garoto nem precisou pular para fazer o cabeceio, mas furou aparando apenas de leva a bola. Tiro de meta e 0 a 0 na virada de campo.

Temporal, falhas e gols do Zequinha

O Zequinha melhorou na segunda etapa e começou a criar chances. A primeira veio aos nove minutos. Matheusinho tocou para Felipe Guedes, que se livrou de dois marcadores e disparou a bomba, mas em cima da marcação.

Depois, Kelvin perdeu chance claríssima em contragolpe. Dudu Mandai disparou em velocidade e cruzou com espaço. Kelvin estava livre na área, mas chutou em cima do travessão.

Aí começou a sina do time de transição, alguns erros e bastante falta de sorte. Aos 28, João Pedro aparou na frente da área e chutou forte. Mendonça se botou na frente e a bola bateu no seu braço. A arbitragem marcou falta na meia-lua. Alemão bateu com força, mas sem pontaria, em cima da barreira. Só que o azarado Bruno Grassi viu a bola desviar nos pés dos defensores gremistas e entrar no canto direito, sem chances para o goleiro.

Rodrigo Ancheta, que entrou no lugar de Balbino, ainda teve a chance de iguala aos 30 minutos. Mas ele apressou a jogada e chutou por cima. Na resposta do São José, mais uma falha geral da defesa do Grêmio. Dudu Mandai cruzou da direita, Mendonça não atacou a bola, Paulo Miranda furou e sobrou livre para o zagueiro Rafael Goiano. Na cara do gol, ele não perdoou e estufou o 2 a 0 do Zequinha.

Gauchão – 4ª rodada

São José 2

Fábio; Marcel, Rafael Goiano, Bruno Jesus, Dudu Mandai; Everton Alemão. Clayton (Igor Nobre), Felipe Guedes e Kelvin; Matheuzinho (Canhoto) e Mateus Totó (João Pedro). Técnico: Rafael Jacques.

Grêmio 0

Bruno Grassi; Madson, Paulo Miranda, Mendonça e Leonardo; Balbino (Rodrigo Ancheta), Matheus Henrique, Jean Pyerre (Isaque) e Alisson; Lima (Dionathã) e Pepê. Técnico: Cesar Bueno.

Gols: Éverton Alemão (30min/2ºT) e Rafael Goiano (34min/2ºT)

Cartões amarelos: Mendonça, Balbino e Lima (G); Everton Alemão (S).

Árbitro: Érico Andrade.

Local: Passo D’Areia.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Três mulheres teriam ficado feridas e foram socorridas por equipes do Samu e Bombeiros

Informações sobre o paradeira dele podem ser repassadas à polícia.

Pasta dará prioridade a profissionais formados no Brasil

Chuva retorna ao Estado no fim de semana