Giro do Vale / Destaque / País / Política

Prefeitura de Porto Alegre pede auxílio da Força Nacional e do Exército para julgamento de Lula

De acordo com nota, medida é para garantir segurança da população e a preservação do patrimônio público.

Foto: Divulgação

O prefeito de Porto Alegre Nelson Marchezan Junior solicitou ao governo federal a convocação da Força Nacional e do Exército para atuarem na cidade no dia do julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em nota, a prefeitura afirma que a medida é para garantir a segurança da população e a preservação do patrimônio público.

Ofícios assinados pelo prefeito Nelson Marchezan Júnior foram enviados ao presidente Michel Temer, ao ministro da Defesa, Raul Jungmann, ao governador José Ivo Sartori e ao secretário da Segurança Pública do Estado, Cezar Schirmer.

Marcado para 24 de janeiro, o julgamento será realizado no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, localizado na área central da Capital, no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho (Harmonia), e próximo ao trecho da orla do Guaíba que está em processo final de revitalização.

“Diante das articulações explícitas para ocupação dos espaços públicos por milhares de integrantes de movimentos políticos e sociais, é nosso dever requerer a atuação das forças de segurança para preservar a integridade dos cidadãos e do patrimônio coletivo. A cidade precisa ter garantido seu funcionamento regular nesse período”, manifesta Marchezan.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Ministro do STF disse que pedido queimava etapas no processo judicial, pois defesa não recorreu à segunda instância

Segundo MPF, ex-presidente chefiava uma organização criminosa por cerca de 40 anos

Sol predomina em todas as regiões durante o dia

Comunidade escolar procurou a polícia após ameaças feitas em redes sociais fazendo analogia ao massacre ocorrido em Suzano