Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio vence o Juventude e volta ao G8 do Gauchão

Jael e Madson marcaram os gols gremistas no Alfredo Jaconi.

Foto: Rodrigo Rodrigues / Grêmio / Divulgação

O Grêmio venceu o Juventude por 2 a 0 na tarde deste domingo e voltou à zona de classificação para a segunda fase do Campeonato Gaúcho. Após um primeiro tempo em que criou poucas chances, Jael e Madson marcaram na etapa final e garantiram a vitória tricolor.

Com os três pontos conquistados no Alfredo Jaconi, o Grêmio chega a 10 e assume o oitavo lugar na classificação do Gauchão. O Juventude fica em 9º, com nove pontos. Na próxima rodada, o Tricolor recebe o São Paulo de Rio Grande na Arena, quarta-feira, às 21h45min. Na quinta, 19h30min, o Juventude encara o São José no Passo D’Areia.

O jogo

Com a vitória do Novo Hamburgo sobre o Brasil de Pelotas na abertura da rodada, o Grêmio entrou no gramado do Alfredo Jaconi para enfrentar o Juventude na zona de rebaixamento do Campeonato Gaúcho. A obrigação da vitória fez o Tricolor ter toda a iniciativa desde os primeiros minutos de partida. A equipe, no entanto, sentiu a ausência de Luan e não conseguiu transformar o volume de jogo em chances de gol ao longo do primeiro tempo.

Mesmo em casa, o Juventude optou por esperar o Grêmio e se mostrou satisfeito com o empate. O estreante técnico Julinho Camargo montou a equipe com duas linhas de marcação bem próximas que praticamente não ofereceu espaços pela faixa central do campo ao Tricolor. O time de Renato Portaluppi teve até facilidade para chegar pelos lados do campo, mas faltou precisão nos cruzamentos e maior movimentação do centroavante Jael para conseguir as finalizações.

Ao todo, o Tricolor teve nove cruzamentos ao longo do primeiro tempo e apenas dois foram perigosos. No primeiro, aos 9, o gol quase veio em um lance casual. O zagueiro Micael fez o corte, mas pegou mal na bola e quase mandou contra o gol de Matheus.

A outra oportunidade veio aos 40 minutos e foi a única chance clara de gol do Grêmio no primeiro tempo. A jogada começou com passe de Maicon para Madson, que cruzou para Jael. O centroavante errou o domínio, mas a bola sobrou para Everton, que, da risca da pequena área, chutou por cima.

Se o Grêmio teve dificuldade para criar durante o primeiro tempo, o goleiro Matheus deu uma ajuda para o Tricolor logo no começo da etapa final. A um minuto, ele tentou driblar Jael, que conseguiu roubar a bola e só teve o trabalho de empurrar para as redes com o gol vazio para colocar o Grêmio em vantagem no Alfredo Jaconi.

O gol deu tranquilidade ao Grêmio, que viu um Juventude sem forças para tentar uma reação. A equipe da Serra tentou sair mais para o jogo, mas, além de não oferecer perigo a Marcelo Grohe, abriu espaços para o Tricolor ampliar a vantagem.

O segundo gol quase veio aos 19 minutos, quando Everton recebeu de Jael após cruzamento de Cortez, se livrou de dois marcadores e bateu no canto. O gol só não saiu porque Matheus conseguiu fazer uma bela defesa para manter o placar em 1 a 0.

Na sequência, aos 23, o técnico Renato Portaluppi tirou Jael para a entrada de Hernane Brocador. Ainda sem participação do centroavante, o Grêmio chegou ao gol logo em seguida. Aos 25, em uma bela jogada, Maicon deu o passe no fundo para Ramiro, que cruzou para trás e encontrou Madson livre na área. O lateral bateu colocado no canto e marcou o segundo gol gremista.

O goleiro Matheus voltou a falhar. Aos 32, ele errou o tempo da jogada e para não perder a bola para Alisson pegou a bola com as mãos fora da área. O árbitro Anderson Daronco marcou a falta e deu o cartão amarelo para o goleiro do Juventude. Para sorte de Matheus, a falta batida por Ramiro foi facilmente tirada pela defesa.

O Grêmio seguiu controlando o jogo nos minutos finais e praticamente não correu riscos. O Juventude teve apenas uma finalização perigosa, em chute de Guilherme Queiroz, que Grohe defendeu. Final de partida: Juventude 0 x 2 Grêmio

Gauchão 2018 – 10ª rodada

Juventude – 0

Matheus; Vidal, Micael, Fred e Mateus Santana; Amaral, Bruninho (Dener), Sananduva e Fellipe Mateus; Caprini (Jô) e Guilherme Queiroz.

Técnico: Julinho Camargo

Grêmio – 2

Marcelo Grohe; Madson, Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon, Jaílson (Michel), Ramiro, Everton (Alisson) e Cícero; Jael (Brocador).

Técnico: Renato Portaluppi

Gols: Jael (1min/2T), Madson (25min/2T)

Cartões amarelos: Ricardo Jesus, Matheus (JUV); Jael (GRE)

Árbitro: Anderson Daronco

Local: estádio Alfredo Jaconi, Caxias do Sul

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Indivíduo, que ainda não teve a identidade confirmada, teria sido alvejado por quatro disparos de arma de fogo.

Veículo cortou a frente de ônibus que transportava cerca de 20 pessoas. Pelo menos 11 pessoas ficaram feridas, sendo que quatro permanecem no HBB, em estado regular.

Mulher havia registrado ocorrência de Maria da Penha contra o indivíduo.

Ele foi agredido com socos e teve sua carteira, com documentos e cerca de R$ 1 mil, levada.