Giro do Vale / Estado / Geral

Rio Grande do Sul segue com sol, mas calorão não se repete nesta segunda

Massa de ar mais frio e seco toma conta e proporciona uma jornada de temperatura agradável.

Foto: Divulgação

A segunda-feira ainda começa com muitas nuvens e instabilidade em algumas regiões, sobretudo na Metade Norte, mas no decorrer do dia o tempo firma no Rio Grande do Sul. O sol, que já aparece desde cedo em muitas áreas, brilhará em todo o Estado. Massa de ar mais frio e seco toma conta e proporciona uma jornada de temperatura agradável, não se repetindo o calor excessivo do fim de semana

O vento sopra do quadrante Sul. Com tempo aberto e seco, e uma massa de ar mais amena, a próxima madrugada terá temperatura baixa em parte do Estado.

As mínimas rondam os 12°C em São José dos Ausentes e os 13°C em Bagé. As máximas, por sua vez, podem chegar a 30°C em Uruguaiana e 32°C em Santa Rosa.

O fim de semana teve calor com máximas superiores a 36ºC nos Vale do Rio Pardo e do Sinos, na Capital e na Grande Porto Alegre. Santa Rosa teve 37,1ºC, maior máxima do ano até agora. A semana que começa marcará uma ruptura no padrão deste verão de chuva irregular a partir de um aumento da instabilidade e dos volumes de chuva em todo o Estado.

Com a atuação de uma massa de ar seco e frio, o tempo firme irá predominar. A partir de terça, já se espera chuva localizada principalmente no Oeste e no Norte. A quinta será um dia merecedor de atenção porque há possibilidade de chuva ampla no Estado e que será forte em muitas cidades, propiciando altos volumes. Há ainda risco de temporais isolados. Porto Alegre está entre as áreas com possibilidade de chuva forte na quinta.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Indivíduo, que ainda não teve a identidade confirmada, teria sido alvejado por quatro disparos de arma de fogo.

Veículo cortou a frente de ônibus que transportava cerca de 20 pessoas. Pelo menos 11 pessoas ficaram feridas, sendo que quatro permanecem no HBB, em estado regular.

Mulher havia registrado ocorrência de Maria da Penha contra o indivíduo.

Ele foi agredido com socos e teve sua carteira, com documentos e cerca de R$ 1 mil, levada.