Giro do Vale / Destaque / Geral / País

Governo vai usar Exército para desobstruir rodovias

A decisão foi tomada em uma reunião no Palácio do Planalto da qual participam Temer e ministros durante o quinto dia de greve dos caminhoneiros.

Foto: Washington Alves / Reuters

Diante da proporção que está tomando o movimento grevista dos caminhoneiros, o governo decidiu endurecer nesta sexta-feira, 25. Já está autorizado o uso das Forças Armadas para a desobstrução das estradas. O presidente Michel Temer deve fazer um pronunciamento a qualquer momento para falar sobre a greve e fazer uma avaliação da situação.

Como informou o Estadão/Broadcast, a Polícia Federal vai investigar a possibilidade de locaute – participação dos patrões – na paralisação dos caminhoneiros, que entrou nesta sexta no quinto dia, apesar do acordo firmado na noite de Quinta-feira, dia 24. Mesmo com a câmara de compensação proposta pelo governo, que manterá, por meio de subvenções bancadas pelo Tesouro, o preço do diesel estável para os distribuidores, o que se constata nesta sexta é a ampliação dos pontos de retenção das estradas e não a redução do movimento, como esperava o governo federal.

Locaute é caracterizado quando empresários de um setor contribuem, incentivam ou orientam a paralisação de seus empregados. Ou seja, é uma greve liderada pelos patrões, com o intento de obtenção de benefícios para o setor, o que é proibido por lei.

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo apurou, a avaliação do próprio governo é de que o Planalto subestimou a proporção que a mobilização poderia tomar, um erro do sistema de inteligência, que é comandado pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin).

 

Exame

Comentários

  1. Anônima disse:

    Todos apoiamos os caminhoneiros somos um povo só pela nação porque não aguentamos mais chega! Será que o Temer não se se rende? A baixa cara a gasolina o diesel vai tirar um pouco desses aí teus aliados pede para eles devolver oque roubaram aí nós temos que pagar a conta
    Não entendeu que vcs são a minoria é nós todos a maioria por favor gente todo mundo sabe a ladroage que vcs são.

Publicidade

Últimas Notícias

Condutor disse que pegou o veículo em Esteio e que receberia R$ 500 para entregá-lo em Sarandi

Dois criminosos teriam participado do crime

Uma carreta e um caminhão guincho se envolveram na colisão

Proposta foi aprovada por acordo dias depois da morte de um cachorro em um supermercado em Osasco (SP). Projeto segue para votação no Senado.