Giro do Vale / Destaque / Vale do Taquari

Manifestações de caminhoneiros seguem em rodovias do Vale pelo quinto dia consecutivo

Há pontos de manifestação, mas sem o bloqueio das rodovias

Foto: Natalia Ribeiro / Grupo Independente / Divulgação

Mesmo com acordo firmado entre representantes de caminhoneiros e o governo federal, na noite da última quinta-feira, dia 24, seguem manifestações da classe em rodovias do Vale do Taquari e arredores.

Conforme informações do Pelotão Rodoviário da Brigada Militar, há concentrações de caminhoneiros no km 96 da ERS-130, junto ao Posto Buffon, em Encantado, no km 69 da ERS-129, próximo à borracharia do Duia, também em Encantado. Na RSC-453, há pontos de manifestações no posto Mate Amargo, em Cruzeiro do Sul, e em Linha Travessa, em Venâncio Aires.

Na RSC-287, há concentração no km 81, em Venâncio Aires, e nos kms 104 e 116, em Santa Cruz do Sul. Outro pontos de manifestações fica no km 01 da ERS-436, a Rodovia Aleixo Rocha, em Taquari. No trecho estadual da 386, em Estrela, segue manifestação junto ao Posto Super Porto. A princípio, segue a abordagem de veículos de carga, com passagem liberada para veículos leves.

Às 9h20, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou os pontos com manifestantes, mas sem bloqueio de rodovia, no trecho da 4ª Delegacia. Há manifestantes no km 213, em Tio Hugo, no km 243, em Soledade, no km 268, em Fontoura Xavier, kms 279 e 283, em São José do Herval, km 341, em Lajeado, km 412, em Montenegro, e no km 435, em Nova Santa Rita. Na BR-470, também no trecho da 4ª Delegacia, há ponto com manifestação no km 284, em Montenegro.

 

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Dois carros incendiaram após a colisão

Porém, o pedido foi negado pela Justiça, mesmo com parecer favorável do Ministério Público (MP)

Previsão é que a Draco comece a operar em maio de 2019, a partir do ingresso de novos servidores na corporação

Ministério da Saúde ampliou prazo para até terça-feira, na tentativa de preencher vagas que faltam