Giro do Vale / Geral

Acusado de homicídio de bom-retirense em 2015 é condenado em júri popular

Vítima foi alvejada por quatro tiros em uma cancha de corrida de cavalos em Linha Mangueirão.

Foi condenado em júri popular realizado nesta quarta-feira, dia 13, em Venâncio Aires, o réu acusado do homicídio de um bom-retirense há três anos.

Ele respondia pela morte de Marcos Antônio da Costa, o Marquinhos, ocorrido no dia 19 de abril de 2015, em Linha Mangueirão, no interior de Venâncio.

Costa era natural de Bom Retiro do Sul, e foi alvejado por quatro disparos de arma de fogo dentro da Cancha Reta, uma cancha de corrida de cavalos da localidade. O réu alegou legítima defesa, mas acabou condenado a sete anos de reclusão.

 

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

O motociclista negou o teste do etilômetro, sendo autuado administrativamente.

Na justificativa da proposta, o senador Airton Sandoval cita estudos feitos em países diversos que vinculam a adoção do horário de verão com o desenvolvimento de problemas de saúde.

Máxima pode chegar aos 30°C em algumas cidades do Estado

Indivíduo, que ainda não teve a identidade confirmada, teria sido alvejado por quatro disparos de arma de fogo.