Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio vence o América-MG com gol de Everton e volta ao G4

Tricolor chegou aos 19 pontos no Campeonato Brasileiro.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

O Grêmio venceu o América-MG por 1 a 0 na tarde deste domingo, na Arena, com gol de Everton. Um golaço após lançamento de Cícero. Everton “driblou” o goleiro, antes de chutar para o fundo das redes. Somando três pontos, chegou aos 19, chegando ao quarto lugar. Com a derrota, o Coelho caiu duas e ocupa a 13ª colocação com 13 pontos.

O Tricolor volta aos gramados na quarta-feira, às 19h30min, contra o Sport, na Ilha do Retiro. Já o América-MG recebe a Chapecoense, no mesmo dia, mas às 16h, no estádio Independência.

Everton perde gol “feito” e depois abre o placar

Assim que o árbitro catarinense Rodrigo D’Alonso Ferreira apitou o início da partida, os dois times passaram a disputar incessantemente a bola de intermediária a intermediária. Sem uma postura extremamente defensiva, os mineiros construíram a primeira oportunidade. Aos sete minutos, Ademir arriscou da entrada da área e a bola passou sobre o travessão de Grohe.

Depois do lance, o Tricolor cresceu na partida e começou a pressionar mais o adversário e a criar oportunidades. Luan ajeitou na entrada da área e bateu colocado, aos 12, Jori fez defesa com tranquilidade. Dois minutos depois, Após cabeçada de Cícero, a bola desviou em Messias e passou rente ao poste direito de Jori. No lance seguinte, após cruzamento e desvio dentro da área, a bola sobrou para Everton sem marcação no segundo poste. O atacante bateu forte, a bola explodiu no travessão e foi afastada pela defesa.

Quando o clube mineiro tinha maior presença no campo ofensivo, o Grêmio chegou ao gol. Aos 31, Cícero fez longo lançamento do campo de defesa para Everton. O Atacante desviou de cabeça, na marca do pênalti, tirando o goleiro Jori da jogada, e chutou para o fundo das redes: 1 a 0.
Dez minutos depois, Luan voltou a criar uma oportunidade para o Grêmio. O meia aproveitou uma lateral mal cobrada pela América, avançou pelo meio e bateu, mas a bola passou sobre a meta de Jori. Um minuto depois, Aylon avançou pelo meio e chutou, mas a bola saiu fraca para fácil defesa de Grohe.

Grêmio pressiona, mas para nas mãos de Jori

Atrás no placar, foi o América que criou o primeiro lance de perigo do segundo tempo. Aos três minutos, Ademir lançou Gérson Magrão pela esquerda de ataque. O atacante arriscou chute de fora da área e obrigou Grohe a saltar para fazer grande defesa. Um minuto depois, Christian arriscou da intermediária pela direita, mas a bola saiu à direita da meta gremista, sem perigo.

Com a vantagem, o Grêmio passou a aguardar no campo defensivo para contra-atacar. E, em muitas oportunidades, fugindo da característica, usando lançamentos. Aos nove, Éverton recebeu excelente lançamento longo, nas costas da defesa, mas ao entrar na área sofreu a pressão de Aderlan e caiu. O árbitro entendeu como jogada normal e mandou seguir.

Dez minutos depois, Cícero avançou pela esquerda de ataque e chutou da intermediária. Jori segurou, perdeu o controle e voltou a segurar firme. Aos 20, Jael retornou aos gramados depois de um mês em recuperação. No primeiro lance, ele apareceu na entrada da área, recebeu a bola, girou e tentou o passe para Everton, mas Aderlan se antecipou e conseguiu evitar um lance de perigo.

Com a vantagem no placar e com as duas mudanças, o Grêmio passou a dominar as ações ofensivas e só não ampliou porque o goleiro Jori fez boa defesa, aos 37, em chute colocado de Everton. Aos 45, em jogada ensaiada, a bola foi levantada no meio da área do Tricolor, Rafael Moura apareceu sozinho e cabeceou, mas Grohe fez uma grande defesa. Com o resultado, os comandados de Renato Portaluppi voltam a se aproximar dos líderes.

Brasileirão 2018 – 11ª Rodada

Grêmio 1

Marcelo Grohe; Leo Moura, Bressan, Kannemann e Cortez; Arthur, Cícero, Lima (Thaciano) e Luan (Kaio); Everton e André (Jael).

Técnico: Renato Portaluppi

América-MG 0

Jori; Aderlan, Messias, Matheus Ferraz e Giovanni (Rafael Moura); Juninho, Christian, Serginho e Gerson Magrão; Ademir e Aylon.

Técnico: Enderson Moreira

Gols: Everton (31min/1ºT)

Cartões amarelos: Cícero e Everton (3º) (G) e Aderlan, Giovanni e Aylon (A)

Público: 14.460

Renda: R$ 372.021

Árbitro: Rodrigo Ferreira (SC).

Auxiliares: Helton Nunes e Thiaggo Americano (SC).

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Ainda não há comentários

Envie-nos o seu comentário

Publicidade

Últimas Notícias

Os selecionados devem fazer a matrícula entre 22 e 28 de junho

Nos últimos 30 dias, o recuo chega a 5,51%

Nos aspirantes teve goleada e nos titulares um jogo muito equilibrado.