Giro do Vale / Destaque / Esporte / País

Brasil luta, mas perde para Bélgica e está fora da Copa

Seleção levou 2 a 1 na Arena Kazan

Foto: Manan Vatsyayana / AFP / Divulgação

O Brasil está fora da Copa do Mundo da Rússia. A Seleção Brasileira não fez um bom primeiro tempo, lutou bastante na etapa final, mas foi derrotada por 2 a 1 pela Bélgica nesta sexta, em Kazan. Com o resultado, os belgas encaram a França na próxima terça, às 15h, em São Petersburgo, pela semifinal. Com a saída do Brasil do Mundial, apenas países europeus continuam na competição.

O resultado, pode se dizer, foi injusto, pois o Brasil teve mais chances, pressionou, mas errou muito nas finalizações, e os dois gols marcados no primeiro tempo pelos Diabos Vermelhos acabaram pesando demais. Aos 7 minutos, a primeira grande chance do Brasil. Depois de escanteio, Thiago Silva deu um toque de leve e a bola bateu na trave. Aos 13 minutos, o que ninguém queria, gol da Bélgica e contra. Após escanteio, Fernandinho cabeceou para trás e enganou Alisson, 1 a 0 para os belgas.

Mesmo atrás no placar, o time brasileiro não ficou nervoso e passou a tocar a bola, para tentar penetrar na zaga adversária. Aos 17 minutos, Philippe Coutinho achou uma brecha e chutou forte, mas Courtois defendeu. O goleiro belga salvou de novo aos 25 minutos, em forte chute de Marcelo da entrada da área.

O pior ainda estava por vir. Aos 30 minutos, em rápido contra-ataque armado por Lukaku, De Bruyne recebeu e bateu forte, da entrada da área para anotar 2 a 0. Em busca de diminuir o placar, aos 37 minutos, Philippe Coutinho chutou de fora da área e Courtois espalmou, evitando o gol de desconto. Três minutos depois em falta cobrada por De Bruyne a bola foi no ângulo, porém Alisson estava atento e mandou a escanteio. Na cobrança, Kompany quase fez o terceiro para os belgas, mas Alisson evitou.

Na volta do segundo tempo, Tite tirou Willian e colocou Firmino, enfraquecendo o meio de campo, mas fortalecendo o ataque. E aos 6 minutos, lance polêmico quando Neymar caiu na área e o árbitro chegou a pensar em pedir o VAR, mas desistiu. Aos 10 minutos, foi a vez de Gabriel Jesus ser derrubado na área por Kompany. O árbitro Milorad Masic pediu o VAR e não marcou o pênalti, que claramente existiu.

A Seleção Brasileira seguiu no ataque, porém sem muita inspiração e quase levou o terceiro aos 15 minutos. Os belgas contra atacaram com De Bruyne, que bateu cruzado, e a bola raspando a trave. Nos lances seguintes, o Brasil tentou diminuir, mas não conseguia passar pela zaga belga. Douglas Costa passou a chutar de fora da área. Sempre parando em Courtois. Até que aos 30 minutos, Philippe Coutinho cruzou e Renato Augusto cabeceou no canto e vencendo o arqueiro belga, diminuindo o placar: 2 a 1.

Aos 32 minutos, depois de tabelinha com Neymar, Firmino chutou muito perto do travessão. Aos 35 minutos, Renato Augusto recebeu sozinho, no meio da zaga adversária, mas errou o chute, batendo para fora. A pressão era enorme e aos 37 minutos, depois de passe de Neymar, Philippe Coutinho entrou e chutou de primeira, mas mal. Outra chance desperdiçada. Já aos 48 minutos, Courtois foi no ângulo e buscou chute de Neymar. A Bélgica estava com sorte e avançou. Agora é esperar mais quatro anos.

 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Crime teria ocorrido na frente do filho da vítima, e seu companheiro é o principal suspeito

Vítima foi alvejada com três tiros na madrugada do dia 30 de março

Áreas de instabilidade podem trazer chuva em alguns pontos do Estado

Condutor de um dos veículos envolvidos, fugiu do local