Giro do Vale / Imigrante / Polícia

Ex-funcionária é acusada de desviar R$ 200 mil de empresa, em Imigrante

O desvio de valores ocorria, de acordo com a vítima, desde 2012

Um caso de furto de valores foi registrado nesta sexta-feira, dia 25, na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), de Lajeado.

A proprietária de uma empresa, com sede no município de Imigrante, relata que uma ex-funcionária, desviou cerca de R$ 200 mil. O desvio de valores ocorria, de acordo com a vítima, desde 2012. A acusada possuía autonomia de gestão para repassar valores.

Ainda de acordo com a ocorrência, o pagamento era ficticiamente destinado para um tipo de serviço que a empresa não possui. A empresária cita que a ex-funcionária, demitida por justa causa, utilizava os valores para pagar seu próprio aluguel, faxineira, advogada, entre outros. O caso deve ser investigado.

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Com os presos a polícia encontrou R$ 740 em notas de R$ 20 falsificadas

Dupla chegou ao local do crime e disparou ao menos cinco tiros na direção da vítima

Estado teve 17,5 mil solicitações do benefício em janeiro, maior número para o mês em 10 anos