Giro do Vale / Destaque / Estado / Geral

Valor da primeira CNH sofre reajuste e ficará mais cara a partir de sexta-feira

Além da primeira habilitação, as demais taxas do Detran/RS também aumentarão em fevereiro

Foto: Divulgação

Tirar a primeira Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vai ficar mais caro a partir de sexta-feira 1º de fevereiro. Isto porque foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira, dia 28, a portaria que reajusta as tabelas de valores dos serviços do Departamento de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran/RS) para 2019. Os novos preços entram em vigor na sexta-feira, 1º de fevereiro, e o reajuste corresponde à variação da Unidade Padrão Fiscal do Estado do Rio Grande do Sul (UPF/RS) 2019, que é 3,8608%.

Conforme o Detran/RS, os percentuais podem ficar um pouco abaixo da variação, em função do arredondamento das casas decimais. A primeira CNH só pode ser retirada nas categorias, A, B ou AB. No último caso, a pessoa deve participar de dois cursos preparatórios.

Os interessados em obter CNH categoria A (motos), precisarão pagar R$ 1.950,51 (soma das taxas R$ 302,72 com as aulas no Centro de Formação de Condutores – CFC R$ 1.647,79). A variação total foi de R$ 72,40 com relação aos valores do ano passado.

Já para aqueles que pretendem tirar a CNH categoria B (carros), deverão efetuar pagamento de R$ 2.270,76, incluindo as taxas R$ 302,72 e as aulas no CFC R$ 1.968,04. A variação total foi de R$ 84,10. Quanto à categoria AB, que abrange permissão para motoristas que pretendem conduzir motos e carros, os valores chegam a R$ 3.608,54, na soma das taxas R$ 369,81 e das aulas no CFC R$ 3.238,73. Para esta categoria a variação total foi de R$ 133,80.

Aptidão 

Estão aptos a solicitar a Carteira Nacional de Habilitação nas categorias A e B os brasileiros maiores de 18 anos, que saibam ler e escrever, que possuem documento de identidade e CPF. O processo deve ser concluído em um ano. Depois disso, é necessário dar início a um novo procedimento.

Além dos valores da primeira habilitação, as demais taxas do Detran/RS sofrerão reajuste, como ocorre todos os anos. Entre as atualizações também está a renovação, que custará R$ 223,91 a partir de sexta-feira. Este valor aumenta para motoristas que exercem atividade remunerada, que precisam realizar exame psicológico. Sobre as demais taxas, a partir de sexta-feira os valores podem ser consultados no site do Detran/RS

Correio do Povo

Comentários

  1. Anônimo disse:

    Todo aumenta nesses pais menos o salário mínimo que vergonha do Brasil

Publicidade

Últimas Notícias

Colisão entre os veículos ocorreu próximo ao acesso de Linha Harmonia, em Teutônia

Jovem foi preso em flagrante, sendo estipulada fiança de R$ 2 mil

Com um dos indivíduos, foi apreendida uma bucha de maconha

Criminosos chegaram em uma moto, roubaram um Fiat Tempra de um cliente e cerca de R$ 200 em dinheiro