Giro do Vale / Lajeado / Polícia / Venâncio Aires

Confirmado: Corpo encontrado em Mariante é de jovem lajeadense

Confirmação veio após a realização da necrópsia

Foto: Reprodução / Facebook

O corpo encontrado domingo pela manhã, dia 24, boiando nas águas do Arroio Castelhano, quase na junção com o Rio Taquari, na localidade de Linha Chafariz, em Vila Mariante, é mesmo do adolescente Jordan Henrique Heuser, 15 anos. Ele estava desaparecido desde a tarde da terça-feira, 19, quando foi levado por desconhecidos de dentro da oficina de motos do pai, localizada no bairro Planalto, em Lajeado.

Aparentemente, ele foi executado com tiros na cabeça e jogado de cima da ponte do Castelhano, que posteriormente deságua no Taquari. Sobre a ponte os brigadianos apreenderam quatro cápsulas de pistolas, sendo três calibre 9 milímetros e uma.40. O corpo de Jordan estava no Departamento Médico Legal (DML) de Santa Cruz do Sul, onde foi feito o reconhecimento.

De acordo com o que o pai registrou na Delegacia de Polícia de Lajeado, ele não estava no local quando o filho foi levado e recebeu a notícia da sua companheira, madrasta do jovem. Ainda conforme Alexandre Heuser, um dia antes do sequestro, pessoas deram tiros dentro da sua oficina, tentando atingir outro rapaz, que o auxiliava no conserto das motos. Naquele dia, Jordan não estava lá e ninguém foi ferido.

Folha do Mate

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Três veículos se envolveram no acidente na altura do Km 344, próximo ao Guinhos Sansão

A vítima foi espancada, torturada, jogada em um terreno baldio e queimada

Com a colisão, a carreta ficou atravessada na rodovia. O trânsito chegou a ficar interrompido em ambos os sentidos

Uma van do transporte universitário de Boqueirão do Leão, com destino a Lajeado, e uma Saveiro e uma Saveiro se envolveram no acidente