Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio sai atrás e busca empate contra o Rosario Central na estreia

Tricolor teve mais dificuldades que esperava e garantiu ponto com 1 a 1

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

O Grêmio teve ainda mais dificuldades que esperava, saiu atrás no placar e teve que lutar pelo empate, nesta quarta-feira contra o Rosario Central. O ponto somado pelo 1 a 1 acabou sendo positivo, apesar da equipe gremista ter criado mais chances do que os donos da casa no Gigante de Arroyito.

O time gaúcho volta a campo no próximo sábado pelo Gauchão, quando recebe o São José. Na terça, encara o Libertad, na Arena. 

Prejuízo na arrancada

Em Rosario, o Tricolor enfrentou um primeiro tempo difícil, contra um time que marcou seu gol cedo e marcou firme, às vezes de forma faltosa, mas sem facilitar o trabalho de bola no chão dos comandados de Renato Portaluppi. Buscou o empate na qualidade de Everton e pressionou pela virada, sem sucesso antes do intervalo.

A torcida em Rosario vibrou muito logo na primeira virada do ponteiro. Leo Gomes e Marinho não acompanharam Molina, que cruzou na grande área. Kannemann saltou atrasado e Zampedri chegou com perfeição para escorar de cabeça o 1 a 0.

Na urgência de empatar, os gremistas levaram novo susto aos quatro minutos. Aguirre apareceu livre de novo na esquerda e cruzou na marca do pênalti. Zampedri ganhou de novo no posicionamento e ia marcar, mas Kannemann se redimiu e, de carrinho, salvou em cima do lance.

A partir daí o Grêmio foi melhor e começou a acumular chances. Aos sete, Cortez recebeu nas costas da zaga e, apesar do pouco ângulo, tentou chutar sobre o goleiro Ledesma. O goleiro fez boa defesa. Logo depois, Everton perdeu grande oportunidade. Marinho deu o bote certeiro no ataque e conseguiu servir o atacante. Ele teve tempo de dominar, ajeitar e chutar; só que bateu em cima de Ledesma, bem colocado.

Só que deixaram Everton gostar do espaço pela esquerda e, aos 12 minutos, ele não perdoou. Recebeu fora da área, driblou dois em alta velocidade e fulminou mesmo com o caminho bloqueado. A bola saiu tão forte que explodiu no goleiro, no zagueiro e entrou no gol para o 1 a 1.

Quem não estava tão embalado assim era Felipe Vizeu. Primeiro, o centroavante deu um susto aos 15 minutos. Em cruzamento na área, ele desviou para trás e quase fez gol contra. Lá na frente, perdeu duas boas chances. Em grande jogada aos 28, o Grêmio tocou de pé em pé, chegou em Leo Gomes, que cruzou na cabeça de Vizeu. Ele deu de casquinha sobre o goleiro, que se esticou todo e conseguiu dar um tapinha sobre a trave. Aos 36, Everton ganhou na frente, serviu Vizeu nas costas da zaga. Ele bateu forte, mas pegou embaixo da bola e isolou.

O atacante voltou a desperdiçar ótima chance antes do intervalo. Marinho cobrou falta na área, a zaga tirou e Luan bateu no rebote. Houve desvio e sobrou para Vizeu na cara do gol. Ele bateu muito para fora. Antes, Paulo Victor tinha feito grande defesa, após Gil mandar um míssil de primeira, na entrada da área. Manteve-se o empate em 1 a 1.

Trocas para pressão final

O retorno do intervalo teve uma arrancada inicial do Grêmio, mas sem gols. No primeiro lance, Maicon lançou Marinho na esquerda, ele olhou para a área e mandou em Vizeu. O centroavante voou de peixinho e chegou na bola, mas já tinha pouco ângulo e mandou para fora. Logo depois, daria lugar a André. Quem saiu também foi Luan, apagado, cedendo a posição para Matheus Henrique.

Paulo Victor teve que trabalhar aos oito minutos. Gil recebeu na entrada da área e bateu no canto direito. Veio fraco, Paulo Victor pulou tarde e teve que se esticar para mandar em escanteio.

Matheus Henrique deu sua contribuição aos 19 minutos. Ele recebeu na intermediária, ajeitou e mandou um foguete no ângulo direito. Ledesma fez a defesa da partida para espalmar em escanteio.

Sem achar o gol, Renato ainda lançou Jean Pyerre no lugar de Maicon como última troca da partida. Ele quase achou este gol, aos 47 minutos. Marinho sofreu falta em boa jogada de André. O garoto bateu com muito efeito, a bola superou a barreira, o goleiro… caprichosamente explodiu na forquilha do ângulo direito e confirmou o 1 a 1.

Libertadores 2019 – grupo H 

Rosario Central – 1 
Ledesma; Bettini (Rizzi), Barbieri, Cabezas e Molina; Leonardo Gil, Rinaudo, Allione (Camacho) e Aguirre; Riaño e Zampedri (Lovera). Técnico: Paulo Ferrari.

Grêmio – 1 
Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Cortez; Rômulo, Maicon (Jean Pyerre), Marinho e Luan (M. Henrique); Everton e Felipe Vizeu (André). Técnico: Renato Portaluppi. 

Gols: Zampedri (RC) aos 1’ e Everton (G) aos 12’ do 1° T.
Árbitro: Roddy Zambrano (EQU)
Local: estádio Gigante de Arroyito, em Rosario (Argentina) 
Público: não divulgado.

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

São José dos Ausentes deve registrar -1ºC nas primeiras horas desta segunda-feira

Caminhão estava estacionado no acostamento da rodovia

Aspirantes venceram o Estudiantes de virada por 2 a 1, enquanto titulares ficaram no 0 a 0 com o Flor de Maio

Um dos motociclistas ficou gravemente ferido e foi socorrido pelo SAMU