Giro do Vale / Bom Retiro do Sul / Geral

Empresário sede espaço para a Inhandava se instalar

Escola de Samba buscava um local para desenvolver suas atividades

Bruno Petry, presidente da Inhandava. (Foto: Juliano Beppler)

No início desta semana a diretoria da Escola de Samba Inhandava fez o anúncio de que um empresário da cidade emprestou um imóvel para ser utilizado como “barracão” da entidade. Segundo o presidente da agremiação, Bruno Petry, o proprietário do local pediu para não ser identificado. O endereço ainda não revelado, fica na área central da cidade.

Na última semana a Inhandava reclamou de não ter uma sede própria para desenvolver suas atividades. A entidade está sem casa desde que cedeu o seu antigo barracão para o município construir moradias populares dentro do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), que também prevê um Centro de Alegorias para a escola, mas que ainda não foi entregue.

Segundo a prefeitura o processo de construção do espaço no bairro São Francisco, encontra-se em processo de atualização de projeto. Após início das obras, a construção foi interrompida em 2018, quando o contrato com a empresa teve de ser rescindido por problemas na execução da obra. Após a atualização do projeto pelo setor de engenharia da prefeitura, uma nova licitação será lançada para contratação da empresa que dará continuidade.

Camisetas estão sendo comercializadas para angariar recursos. (Foto: Divulgação)

Desenvolvimento de atividades

Com a nova sede, o presidente da Inhandava já projeta algumas atividades a serem realizadas. “Com ela podemos, inicialmente, abrigar o pouco que nos resta da história da Escola de Samba e materiais que estamos adquirindo com as promoções. E o mais importante, com a comprovação de um endereço podemos dar seguimento a vários projetos em âmbitos de financiamentos com empresas de grande porte e até mesmo com recursos estaduais e federais, que exigem localização fixa, e assim não seremos dependentes do auxílio de recursos municipais”, explica.

Uma exposição permanente da história da agremiação deverá ser feita no local, nos moldes da que ocorreu no Shopping Lajeado durante o mês de março com fantasias, fotos, artigos de jornal, troféus, entre outros itens.

Camiseta

Quem quiser colaborar com o resgate que está sendo feito pela escola de samba pode comprar uma camiseta. Quatro modelos foram confeccionados e podem ser conferidos na página da Inhandava no Facebook, ou com os integrantes da diretoria.

Giro do Vale

Veja mais imagens

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Caminhão atingiu a traseira do carro durante a ação

Mínimas devem ficar perto de 0°C em algumas regiões do Estado

Condutor foi arremessado para fora de veículo, após perder o controle do carro e colidir em uma árvore

Contribuintes com contas ativas nos bancos recebem por depósito automático