Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio e Juventude empatam em 0 a 0 pela Copa do Brasil

Tricolor dominou as ações ofensivas, mas não conseguiu transformar em gols

Foto: Arthur Dallegrave / Juventude / Divulgação

Grêmio e Juventude empataram, em 0 a 0, na noite desta quarta-feira, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. Com isso, o vencedor da partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil classifica para a próxima fase. O Tricolor pressionou a equipe da Serra, mas voltou a apresentar dificuldades para marcar gols.

O Grêmio criou oportunidade, mas, na maioria, com chutes de fora da área. Já o Juventude chegou poucas vezes e não levou muita dificuldade para Paulo Victor. 

Os comandados de Renato Portaluppi voltam aos gramados no sábado, às 19h, para enfrentar o Atlético-MG, na Arena, em Porto Alegre. Já a equipe de Caxias do Sul, no mesmo dia, mas às 18h, pega o São José, em Porto Alegre, pela quinta rodada da Série C. Pela Copa do Brasil, as duas equipes gaúchas voltam a se enfrentar na quarta-feira que vem, na Capital. 

Tricolor domina as ações, mas finaliza pouco

O Grêmio dominou as ações ofensivas no primeiro tempo, utilizando principalmente a lateral esquerda para tentar furar o bloqueio defensivo do Juventude. Porém, foram os donos da casa que criaram a primeira oportunidade a nove minutos. Após cruzamento de Aprille da esquerda, Denner bateu mascado e a bola ficou para Paulo Victor.

Mesmo controlando a partida e com maior posse de bola durante todo o primeiro tempo, o Tricolor só foi levar perigo aos 31. Maicon lançou Jean Pyerre, que bateu forte, mas a bola passou próximo ao travessão do goleiro Marcelo Carné. Seis minutos depois, Everton arriscou da meia lua, o chute saiu rasteiro e o arqueiro do Juventude espalmou pela linha de fundo. No lance seguinte, Leo Moura cruzou, André cabeceou para cima e para trás. Capixaba entrava na área pela esquerda de ataque e cabeceou, só que a bola passou próximo ao travessão de Carné. A equipe local conseguiu conter o Grêmio, mas criou pouco.

Sem chances claras de gol no segundo tempo

O Tricolor voltou na segunda etapa pressionando o Juventude e, até os 10 minutos, finalizou três vezes. A mais perigosa ocorreu aos oito, quando Jean Pyerre tentou o gol olímpico e Carné espalmou pela linha de fundo.

O Grêmio seguiu com maior posse de bola até os 30 minutos, criou jogadas ofensivas, mas tinha dificuldades nas conclusões, que na maioria foram de longa distância. A partir deste momento, o Juventude cresceu, mas também sem ter finalizações. Renato retirou Jean Pyerre para a entrada de Thaciano, Alisson para colocar Pepê e André para dar mais uma oportunidade para Vizeu. Entretanto, as mudanças não surtiram efeito e o Tricolor não conseguiu abrir o placar.

Copa do Brasil – oitavas de final
Juventude 0
Marcelo Carné; Vidal, Genílson, Sidimar e Eltinho; João Paulo, Aprille, Denner, John Lennon (Dalberto) e Bruno Alves (Breno); Braian Rodríguez (Paulo Sérgio). Técnico: Marquinhos Santos.

Grêmio 0
Paulo Victor; Léo Moura, Geromel, Michel e Juninho Capixaba; Maicon, Matheus Henrique, Alisson (Pepê), Jean Pyerre (Thaciano) e Everton; André (Vizeu).
Técnico: Renato Portaluppi.

Gols: –
Cartões amarelos: João Paulo e Paulo Sérgio (J) e Everton e Alisson (G)
Cartões vermelhos: –

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro
Local: Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Distribuição para os Estados, começa neste sábado, dia 23

Há possibilidade de ocorrer pancadas de chuva no final do dia em várias regiões

A Polícia Civil abriu inquérito por crime de maus tratos após denúncia de ONG e pedido do MTG