Giro do Vale / Geral

O “Sheik” que saiu de Bom Retiro

Conheça a história do casal que empreendeu, e está popularizando o Shawarma no Vale do Taquari

Viviane e Jaisson apostaram no Food Trailer de comida árabe em Lajeado. (Foto: Karine Krüger / Divulgação)

Há cerca de 4 anos atrás, o casal de Bom Retiro do Sul, Jaisson Junqueira e Viviane Tubino, viram brotar em seus corações o desejo de apresentarem o Shawarma, uma comida árabe muito popular em várias partes do mundo, ao Vale do Taquari.

Foi com um projeto experimental que começaram a vender o lanche através, apenas, de encomendas. Resultado: foi um sucesso. Vendido apenas aos sábados, viam seus clientes divulgarem fotos da novidade que havia chegado a Bom Retiro. Porém, devido a sua filha recém-nascida apresentar problemas respiratórios seu sonho fora interrompido. Até que há dez meses atrás resolveram apostar em seu sonho, só que agora em Lajeado e num ponto fixo.

O “Sheik Fake”, como gosta de ser chamado Junqueira quando está vestido de árabe, abriu seu Food Trailer na Avenida Piraí, no Bairro São Cristóvão e chama a atenção quando entrega panfletos de seu estabelecimento vestido de árabe. ¨Ninguém resiste a um bom sorriso no rosto e à curiosidade de saber o que estou promovendo, a roupa chama a atenção¨ explica Jaisson.

O bom humor nos negócios já é marca registrada da família, pois seu irmão já é bem famoso pelos vídeos que promove nas redes sociais para divulgar seu frango assado. Os dois juntos prometem atacar com boas risadas o mundo da alimentação. Confira a entrevista dada ao Giro do Vale:

Foto: Karine Krüger / Divulgação

Por que Shawarma?

Acho que em um mundo com tanta preocupação com o corpo, o Shawarma é o fast-food do futuro, ele é balanceado, tem muita proteína, pouco carboidrato e bastante salada, evitamos ao máximo utilizar óleo, nossa carne é praticamente sem gordura. Além disso, o sabor do lanche é algo inigualável. Sempre fui fã do shawarma, desde o tempo em que era cliente. Além disso, posso comer todos os dias (risos).

A sua receita é a original?

Não é não, comi em vários lugares e fui pegando o que achava de melhor. Na verdade não tem original, cada lugar ela muda, o que fiz foi absorver um pouco de cada lugar que ia comendo. O molho especial, por exemplo, foi uma adaptação da coalhada. O Tahine, por dar um certo amargor ao lanche, foi retirado. Há lugares em que colocam até batata frita no lanche.

Qual foi seu maior desafio ao abrir o trailer?

O maior desafio foi o medo de não dar certo, por isso, conciliei meu emprego com o Shawarma. Trabalhei sete meses nos dois, cerca de 16 horas por dia, sem final de semana. Até ter a certeza de que deveria fazer o que eu gostava. Proporcionar uma experiência gastronômica aos clientes não tem preço que pague. Um elogio de quem nunca havia comido é extremamente recompensador.

Por que escolheu Lajeado para colocar seu trailer?

Lajeado é uma cidade muito rica em diversidade cultural. Tem gente de todos os cantos da terra morando ali, além de que, é o pólo gastronômico do vale. Todo mundo que quer comer algo diferente, vai para Lajeado, seja ele de Estrela, Bom Retiro, Arroio do Meio. Tenho clientes que vem de Mussum, Teutonia, Venancio Aires. Há um casal que vem de Capão da Canoa visitar parentes e sempre vem jantar aqui.

Mas há possibilidade de montar em outras cidades?

Esse é um sonho. Acredito que o Shawarma, à medida que for conhecido, vai substituir o Cachorro Quente e o Xis. As pessoas tem se preocupado cada dia mais com a alimentação, tem evitado comida processada e carboidrato. O Shawarma é muito mais saudável e muito saboroso, as pessoas comem sem culpa. Na Europa ele já é o queridinho dos viajantes, acredito que é só uma questão de tempo.

E você será o pioneiro disso, certo?

Não, claro que não, nesse mesmo lugar em que faço o lanche outro senhor já fazia o lanche, em Estrela havia gente fazendo. Talvez eu tenha sido o pioneiro lá em Bom Retiro, mas eu quero ser o que vai dar certo. Acredito que, para isso, preciso priorizar três coisas: Um excelente atendimento, um lanche de qualidade e realmente ser um fast-food, pois ninguém quer ficar esperando 40/50 minutos para comer. Nosso lanche realmente é muito rápido, cerca de 3 minutos.

Funciona em quais dias o trailer?

Estamos abertos todos os dias das 18h40m até as 23h, na Avenida Piraí, em frente à Unimed, no Bairro São Cristóvão. Escolhemos este lugar por ter bastante lugar para estacionar e ser bem iluminado e seguro. Além disso, somos monitorados pelas câmaras de vigilância da Unimed e do Sicredi, além de desfrutar da belíssima jardinagem do lugar (risos).

Giro do Vale

Veja mais imagens

Clique para ampliar

Clique para ampliar

Comentários

  1. Marina Rodrigues da Silva disse:

    Parabéns espera nossa visita. Vamos aí jantar. Eu e o Hamilton Pinto. Que Deus abençoe vocês amo muito vocês beijs

  2. Luciana disse:

    Amados
    Que Benção!!!!! Vamos qq dia aí visitar e comer claro, estamos precisando priorizar mesmo nossa alimentação. Parabéns pelo trabalho.

Publicidade

Últimas Notícias

Ação conjunta da Polícia Civil e Brigada Militar ocorreu na noite da quinta-feira, dia 18, em Bom Retiro do Sul

Guarnição foi informada sobre um indivíduo em atitude suspeita na rodoviária do município

Devem ser liberados R$ 19,3 bilhões a 23,6 milhões de trabalhadores