Giro do Vale / Estado / Polícia

Preso após tiroteio em Cristal é encontrado morto na Superintendência da Polícia Federal

Ele foi encontrado com sinais de suicídio

Foto: Reprodução

O homem preso durante barreira policial no município de Cristal na última terça-feira, dia 16, foi encontrado morto pelos agentes da Polícia Federal, na última quinta-feira, dia 18. Marcos Luis Berghann estava custodiado na Superintendência Regional da Polícia Federal, após ter sido detido em flagrante por tentativa de homicídio. Conforme a PF divulgou em nota, o corpo foi encontrado com “indicativo de suicídio”. O preso teria utilizado a atadura que cobria uma lesão da mão, para se enforcar.

A Polícia Federal afirmou que “irá instaurar inquérito para apurar as circunstâncias do fato”.

A prisão

A PF realizava um bloqueio na terça-feira, em busca de um grupo que resgataria uma quadrilha. Dois veículos teriam furado o bloqueio e, na sequência, teria ocorrido troca de tiros com a polícia. Na ocasião, duas mulheres morreram e Marcos e seu filho, de quatro anos, ficaram feridos. O homem era condenado por homicídio e estava em prisão domiciliar.

O Sul

SAIBA MAIS

Mulheres morrem após grupo furar barreira, e trocar tiros com a Polícia Federal

PF monitorava quadrilha na região onde carros furaram barreira em Cristal

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Agentes perceberam os presos tentando resgatar objetos no telhado do banheiro localizado no pátio

Caminhão atingiu a traseira do carro durante a ação

Mínimas devem ficar perto de 0°C em algumas regiões do Estado

Condutor foi arremessado para fora de veículo, após perder o controle do carro e colidir em uma árvore