Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio sai atrás, mas vira e vence o Vasco em São Januário

Tricolor sofreu gol em cobrança de falta de Guarín, mas construiu placar de 3 a 1 fora de casa com gols de Pepê, Everton e Luciano

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

O Grêmio saiu atrás do marcador, e sofreu no primeiro tempo. No entanto, as entradas forçadas de Darlan e Pepê, ainda na primeira etapa, mudaram o jogo. Com os dois em campo, o Tricolor construiu a virada sobre o Vasco por 3 a 1 na noite desta quarta-feira, em São Januário, e se mantém forte na briga pelo G6 do Brasileirão.

O Vasco saiu ganhando, com gol de falta marcado por Freddy Guarín, em nova falha de Paulo Victor. Ainda no primeiro tempo, o Tricolor chegou ao empate, com Pepê, que havia acabado de entrar. No segundo tempo, Everton e Luciano, de pênalti, asseguraram a virada no placar.

Com o resultado, o Grêmio vai a 47 pontos e alcança a 5ª colocação, dormindo no G6 graças ao tropeço do Corinthians. No entanto, pode ser ultrapassado pelo Inter, que ainda joga nessa rodada. Amanhã, o Colorado enfrenta o Athletico-PR no Beira-Rio, às 21h30min.

Agora, tudo passa a ser clássico Gre-Nal para o Tricolor. A partir de amanhã, a equipe começa a se preparar para o confronto contra o Inter, no Clássico 422, que acontece no domingo, às 18h, na Arena, em jogo válido pela 30ª rodada do Brasileirão.

Grêmio sai atrás, mas empata com Pepê

Mais uma vez, o Tricolor teve o problema dos desfalques. Renato teve de mandar a campo uma dupla de zaga reserva, formada por Paulo Miranda e David Braz. No meio, Rômulo atuou entre os volantes, e Thaciano iniciou armando as jogadas. Pelo lado do Vasco, o técnico Vanderlei Luxemburgo iniciou a partida com o recém-contratado Freddy Guarín entre os titulares.

E, logo no início do jogo, aos 9 minutos, a situação se complicou para o Grêmio, a partir de um suposto erro da arbitragem comandada por Wilton Sampaio. Em falta inexistente, Freddy Guarín cobrou rasteiro, por baixo da barreira. Ele contou com o pulo do volante Rômulo e com outra falha de Paulo Victor para fazer 1 a 0 em São Januário.

A postura do Grêmio após o gol foi a pior possível. Aos 14 minutos, quase sofreu o segundo gol, em jogada pela direita de ataque do Vasco, onde Cortez teve muitas dificuldades no primeiro tempo. Coube a Léo Moura afastar o perigo. A resposta veio três minutos depois, com finalização de cabeça de Everton.

Aos 30 minutos, Michel fez uma falta e escapou de ser expulso. O volante, que foi muito mal enquanto esteve em campo, foi substituído um minuto depois por Renato. Com a entrada de Pepê, o Grêmio melhorou. E aos 33, foi ele quem empatou o jogo. Ele recebeu bola fora da área, limpou a marcação e finalizou no canto direito de Fernando Miguel para fazer 1 a 1.

Ainda antes do intervalo, mais um problema para o departamento médico do Tricolor, que já está lotado. Em jogada no lado direito, Thaciano correu e sentiu lesão muscular. O jogador acabou tendo que ser substituído, dando lugar a Darlan. Assim, Renato teve de queimar duas trocas no primeiro tempo.

Virada no segundo tempo passa por Darlan

Para o segundo tempo, como já havia feito duas trocas, o técnico Renato não alterou o time no intervalo. Já o técnico Vanderlei Luxemburgo promoveu uma alteração. Sacou o atacante Lucas Ribamar, que não fez bom primeiro tempo, e colocou o jovem Gabriel Pec em campo.

Com a mesma formação, que já havia melhorado na etapa inicial, o Tricolor construiu sua virada. Darlan fez desarme limpo no meio campo e arrancou em contra-ataque com o Vasco mal posicionado defensivamente. Ele achou Everton no lado direito, e abriu a bola. O atacante limpou a marcação e finalizou rasteiro, forte, no canto direito de Fernando Miguel, para virar o placar em 2 a 1.

E a entrada de Darlan, definitivamente, melhorou o Grêmio no segundo tempo. O volante deu dinâmica ao setor de meio campo, ainda que tenha cometido um erro após desarme de Freddy Guarín, que rendeu finalização perigosa do Vasco.

Mas foi o Grêmio quem ampliou. Aos 22 minutos, Luciano foi atingido por Leandro Castán dentro da área, e Wilton Pereira Sampaio flagrou pênalti no atacante do Tricolor. Com categoria, ele próprio bateu e ampliou em 3 a 1 para o Tricolor.

Ainda houve tempo para sustos e troca de contra-golpes nos minutos finais. Aos 28 do segundo tempo, Marrony mandou no travessão após levantamento de Bruno César. Na sequência, Luciano desperdiçou boa oportunidade em ataque veloz do Tricolor. No entanto, as movimentações não foram suficientes para alterar o placar, que terminou com vitória do Grêmio fora de casa por 3 a 1.

Brasileirão 2019 – 29ª rodada

Vasco

Fernando Miguel; Yago Pikachu, Ricardo, Leandro Castán e Henrique; Richard, Bruno Gomes (Bruno César), Guarín (Tiago Reis), Raúl e Marrony; Lucas Ribamar (Gabriel Pec). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Grêmio

Paulo Victor; Léo Moura (Rodrigues), Paulo Miranda, David Braz e Cortez; Michel (Pepê), Rômulo, Thaciano (Darlan), Luciano e Everton; Tardelli. Técnico: Renato Portaluppi

Gols: Freddy Guarín (9/2T) (Vasco); Pepê (33/1T), Everton (8/2T) e Luciano (22/T) (Grêmio)

Cartões amarelos: Leandro Castán (Vasco); Michel e Cortez(Grêmio)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Envie-nos o seu comentário

Publicidade

Últimas Notícias

Dupla se apresentará na noite do dia 14 de dezembro, na Lagoa Armênia

A obra da década de 70 nunca recebeu reforma e modernização

Dinheiro foi encontrado em sacola, e três homens foram presos após denúncia anônima

Arrecadação é responsável por indenizar pessoas envolvidas em acidentes de trânsito