Giro do Vale / Destaque / Polícia / Pouso Novo

Filho mata pai, e afirma que o confundiu com um ladrão

Indivíduo atirou contra o próprio pai após achar que fosse um criminoso na propriedade da família, que já havia sido assaltada outras vezes

Foto: Divulgação

Um homem foi alvejado de forma acidental pelo filho e morreu, no início da madrugada da terça-feira, dia 10, em Pouso Novo, município da região alta do Vale do Taquari.

O suspeito estaria na casa cuidando da propriedade de seus pais, que estavam viajando. O local já teria sido assaltado em outra oportunidade. No início da madrugada, o jovem teria percebido uma movimentação estranha em um banheiro, pedindo quem era. Como não teria obtido resposta, imaginou ser um bandido. Ao abrir a porta, o rapaz disparou com um revólver calibre 38 e acabou atingindo o próprio pai, de 70 anos, que havia voltado de viagem. A vítima, que teria sido alvejada com um disparo, morreu no local.

A arma utilizada pelo jovem, de 26 anos, foi entregue ao policiamento. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil. O corpo do idoso foi encaminhado para necropsia no Departamento Médico Legal (DML).

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Ela relata que seu veículo foi tocado por um carro que fugiu do local

Serão beneficiados 4 milhões nascidos em setembro, com a 1ª à 5ª parcela de R$ 600, e outro 1,6 milhão do Bolsa Família, com NIS final 7, receberá a de R$ 300

Temperaturas altas vêm acompanhadas de temporais no Estado durante o fim de semana

Ao todo, R$ 428,2 serão disponibilizados para beneficiários do programa com final 6 do Número de Identificação Social (NIS)