Giro do Vale / Geral

Corsan suspende corte de água por não pagamento da conta por 60 dias

Governador disse que clientes de tarifa-social ficarão isentos pelos próximos 90 dias e pediu que cidadãos que dispõem de condições se mantenham adimplentes para manutenção dos serviços

Foto: Divulgação

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, anunciou neste domingo medidas referentes às contas de água no período de pandemia de Covid-19. Após reunião com o Secretário de Meio Ambiente e Infraestrutura, Arthur Lemos Jr., ficou definido que a Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN) não suspenderá o serviço por não pagamento nos próximos 60 dias e os clientes de tarifa-social ficarão isentos pelos próximos 90 dias de cobrança. Esta modalidade contempla famílias de baixa renda que residem em unidades domiciliares de até 60 m².

“Precisamos manter a empresa em funcionamento e, para tanto, mesmo que sem cortes, continuam valendo multas e juros em atrasos. Os cidadãos que dispõem de condições para pagamento de suas faturas devem se manter adimplentes para mantermos os serviços essenciais à população”, explicou o chefe de Estrado em suas redes sociais.

Já Lemos Jr. disse que o governo estadual está em contato permanente com o Ministério de Minas e Energia para resolver a questão das contas de luz. “Acreditamos que teremos leitura correta na semana que se inicia”, pontuou.

Correio do Povo

Comentários

  1. Munícipe disse:

    Não sabemos como vai ser daqui pra frente, vivemos um dia após o outro, na minha opinião acho que corsan deveria avaliar melhor mais pra frente tambm conforme a situação anda…e isentar essas multas e esses juros em atraso.
    Minha família sempre honra água e luz sempre em dia antes até mesmo de vencer.
    A nossa situação até o momento é de dez dias de férias pagos em casa,… mas e depois?Só Deus sabe! Nós gostaríamos de pagar em dia sem multa e juros mas infelizmente nao sabemos mais o dia de amanhã…

Publicidade

Últimas Notícias

São 3,5 milhões nascidos em novembro com direito ao depósito da 1ª à 5ª parcela de R$ 600 e da extra de R$ 300, além do grupo do Bolsa Família

Frente fria empurra massa de ar frio que deve provocar queda na temperatura no Estado

Com mudança de ponto facultativo, unidades não abrem na sexta-feira

Serão beneficiados 3,6 milhões nascidos em outubro, além do grupo do Bolsa Família, com final 8 do NIS, que recebe a parcela extra de R$ 300