Giro do Vale / Geral

Pedágios da BR-386 passam a cobrar valor reajustado a partir deste sábado

Aumento de 4,3% foi aprovado pela ANTT nesta semana e começou a valer à 0h deste sábado

Foto: Divulgação

Cerca de um mês após o início das cobranças nas praças de pedágios administradas pela CCR ViaSul, as tarifas de pedágios nas praças da BR-386, BR-101 e 290 (Freeway), tiveram reajuste. A medida começou a valer a partir da meia-noite deste sábado, dia 14, com cobranças nos dois sentidos.

O aumento ocorre nas quatro praças da BR-386 (Victor Graeff, Fontoura Xavier, Paverama e Montenegro), uma da BR-101 (Três Cachoeiras) e duas da Freeway (Viamão e Santo Antônio da Patrulha).

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) determinou que os veículos de passeio passem a pagar R$ 4,60 nas praças de Montenegro, Paverama, Fontoura Xavier e Victor Graeff, Três Cachoeiras e Gravataí. O valor anterior era de R$ 4,40. As motos agora pagam R$ 2,30, com aumento de R$ 0,10 centavos, e os motoristas de caminhões e ônibus devem desembolsar entre R$ 9,20 e R$ 27,60, dependendo do número de eixos do veículo.

Já em Santo Antônio da Patrulha, o valor sobe de R$ 8,80 para R$ 9,20 para veículos leves. Motos pagam R$ 4,60 e ônibus e caminhões entre R$ 18,40 e R$ 55,20, preços que variam conforme a quantidade de eixos do veículo.

O reajuste das tarifas está previsto em contrato. A ANTT entende que a CCR ViaSul realizou todas as melhorias e trabalhos necessários para melhor condição de trafegabilidade nas rodovias. Os valores das correções são feitos de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA) – índice oficial da inflação do país – do ano anterior. Em 2019 o IPCA fechou em 4,31%.

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Indivíduo foi denunciado após realizar disparos em via pública na BR-38, próximo ao Restaurante Rosinha

País tem mais de 1,8 milhão de casos confirmados da doença

Estado deve ter geada nas regiões Central, Sul, Campanha e Serra entre segunda e quarta-feira

Chuva que caiu na Serra entra a última noite e madrugada deste domingo, dia 12, causou a elevação