Giro do Vale / Destaque / Saúde

Estado coloca 20 regiões em bandeira vermelha no mapa preliminar

Apenas Caxias do Sul recebeu bandeira laranja na 37ª rodada do Distanciamento Controlado

Foto: Divulgação

O mapa preliminar da 37ª rodada do Distanciamento Controlado deixou, nesta sexta-feira, dia 15, 20 regiões em bandeira vermelha, o que significa alto risco de esgotamento da capacidade hospitalar e velocidade de contaminação do coronavírus. De acordo com o Governo do Rio Grande do Sul, nesta semana, apenas a região de Caxias do Sul recebeu bandeira laranja. 

As regiões em bandeira vermelha são: Porto Alegre, Bagé, Cachoeira do Sul, Canoas, Capão da Canoa, Cruz Alta, Erechim, Guaíba, Ijuí, Lajeado, Novo Hamburgo, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santo Ângelo, Santa Rosa, Taquara e Uruguaiana. 

Os municípios e associações regionais podem apresentar, até as 6h de domingo, pedidos de reconsideração de bandeiras, que serão analisados pelo Gabinete de Crise, para que o mapa definitivo seja divulgado na segunda-feira. A medidas do Distanciamento Controlado passam a valer oficialmente na terça-feira. 

Bandeira laranja

De acordo com o governo, a região de Caxias do Sul recebeu a bandeira laranja nesta rodada por causa da redução expressiva de indicadores de óbitos – nos últimos sete dias, que foi de 68 casos para 50 – e hospitalizações, que teve queda de 25% (de 259 para 194), mesma porcentagem de redução no cálculo por 100 mil habitantes, que passou de 21,83 para 16,35.

Além disso, a região de Caxias do Sul se destacou pela redução de pacientes internados em UTI (por SRAG e por confirmados Covid-19) e de confirmados Covid-19 em leitos clínicos. Enquanto na 35ª rodada a macrorregião contava com 133 pacientes confirmados internados em leitos intensivo, na 36ª rodada o quantitativo passou para 101 e, na atual mensuração, reduziu para 78, informou o governo. 

Ainda de acordo com os dados do mapa preliminar, em leitos clínicos, nas últimas três semanas o quantitativo passou de 152 para 125, e para 113 na atual mensuração. 

Dados do RS

Segundo os dados do mapa preliminar, o Rio Grande do Sul teve leve redução no número de confirmados para Covid-19 em leitos clínicos (-4%) e em UTI (-3%), embora os números ainda sejam bastante expressivos – 1.102 em leitos clínicos e 847 em UTIs. Um dos piores indicadores é o número de óbito pela doença, que aumentou 18% entre as duas últimas quintas-feiras (de 421 para 497).

Regra 0-0 e cogestão 

De acordo com o mapa preliminar da 37ª rodada, 448 municípios (do total de 497) estão classificados em bandeira vermelha. Desses, 157 podem adotar protocolos de bandeira laranja, porque cumprem os critérios da Regra 0-0, ou seja, não têm registro de óbito ou hospitalização de moradores nos últimos 14 dias, desde que a prefeitura crie um regulamento local.

Das 21 regiões, apenas Uruguaiana e Guaíba ainda não aderiram ao sistema de cogestão regional, que permite aos municípios adotar protocolos próprios compatíveis até o nível de restrição da bandeira anterior. 

O levantamento completo da 37ª rodada está disponível neste link. 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Agravamento dos casos de Covid-19, e classificação da região em bandeira preta pesou para a decisão

Casa de saúde está operando com o plano de contingência na fase 5, considerada de calamidade

Entre os trabalhadores vivendo em situação degradante, haviam crianças e adolescentes entre 9 e 17 anos

Entre o material apreendido os policiais encontraram porções de cocaína, maconha, R$ 4 mil em dinheiro, uma pistola e um revólver falsos