Giro do Vale / Destaque / Geral

Motoristas gaúchos poderão pagar débitos do veículo no local da blitz

Estado editou decreto que beneficia, em especial, motoristas com dívida do Dpvat do exercício de 2020 e evita que o automóvel seja guinchado

Foto: Divulgação

Em decreto expedido nesta sexta-feira, dia 22, o governo do Estado regulamentou o programa Veículo Legal, que possibilita aos motoristas a quitação de débitos do veículo na própria abordagem em uma blitz.

Conforme a medida, assinada pelo governador em exercício Ranolfo Vieira Júnior, o pagamento no local evita que o veículo seja guinchado, poupando o proprietário de custos de remoção, diárias em depósito e o desconforto de ter seu carro apreendido. A norma beneficia, em especial, motoristas com débito do Dpvat do exercício de 2020, que em muitos casos ficou pendente após a resolução de impasse sobre sua cobrança.

As chamadas “maquininhas” para pagamento com cartão serão disponibilizadas progressivamente para os órgãos de fiscalização de trânsito gaúchos. Mesmo que os equipamentos ainda não estejam disponíveis em algumas blitze, motoristas terão a facilidade de quitar os débitos do veículo por meio de aplicativo bancário. O comprovante gerado eletronicamente já será suficiente para que o agente de trânsito libere o carro no momento da fiscalização, desde que não hajam outras pendências que indiquem a necessidade de recolhimento.

Até 31 de março, período para que seja operacionalizado o sistema de cobrança no local da blitz, o recolhimento do veículo só ocorrerá nos casos em que já haja o dispositivo para pagamento no momento da abordagem e, ainda assim, o condutor se recusar a quitar o débito.

Secom

Comentários

  1. Elton disse:

    Alguém vai ter que pagar as contas para os deputados andarem de terno gravata e auxílio moradia e sempre a sim tirar do povo pra dar pra elite viva Brasil! !!

Publicidade

Últimas Notícias

Polícia Civil investiga para saber se o cadáver é de mulher que está desaparecida desde quinta-feira, dia 25

Reajuste será nas refinarias e entra em vigor nesta terça-feira, dia 2

Vítima foi atingida por cinco disparos de arma de fogo e morre no local do crime

Condutor de um carro perseguiu e atingiu motociclista, provocando o acidente que resultou em morte na via lateral a BR-386