Giro do Vale / Destaque / Polícia / Soledade

Preso no litoral de SC, o acusado pela morte de Paula Perin Portes

Jovem foi morta no dia 11 de junho de 2020 em Soledade, e seu corpo encontrado dois meses depois

Foto: Reprodução / Arquivo pessoal

Uma ação conjunta da Polícia Civil gaúcha e Polícia Militar de Santa Catarina, culminou com a prisão do foragido número um de Soledade, após 207 dias do crime que ele teria cometido. O indivíduo é acusado pela morte de Paula Perin Portes, 18 anos, morta no dia 11 de junho de 2020 em Soledade.

O indivíduo foi preso no interior de uma boate em Balneário Camburiú na madrugada desta segunda-feira, dia 4, após vídeos onde ele aparecia, circularem nas redes sociais. Os trabalhos da Polícia Civil de Soledade foram coordenados pela Delegada Fabiane Bittencourt. Após a prisão em solo catarinense, o acusado foi encaminhado ao presídio de Itajaí.

Relembre o caso

O acusado teria convidado Paula Perin Portes, 18 anos, para ir até a casa de um amigo no dia 11 de junho de 2020 onde ela seria morta, segundo a polícia. A Policia Civil acredita que Paula tenha sido morta por saber de informações sobre a atuação de uma facção criminosa em Soledade.

Após seu desaparecimento, buscas foram realizadas, e somente dois meses depois o corpo de Paula foi localizado. O caso gerou repercussão nacional.

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Eventos estavam ocorrendo em desacordo com a legislação vigente no enfrentamento ao Covid-19

Não houve ninguém ferido, e o trânsito não chegou a ficar prejudicado no local

Saída de pista foi registrada na manhã deste sábado, dia 15, no Km 366 da rodovia

Corridas terão transmissão ao vivo pelo canal Turismo Nacional no Youtube