Giro do Vale / Esporte / Inter

Com gol no fim, Inter é derrotado pelo São Luiz no Beira-Rio

Revés por 2 a 1 deixa o time colorado fora da zona de classificação à próxima fase

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

Em jogo equilibrado e disputado até o final, o Inter foi superado pelo São Luiz, por 2 a 1, na noite desta segunda-feira, no estádio Beira-Rio, pela terceira rodada do Gauchão. O Colorado empatava até os 49 minutos do segundo tempo, quando o zagueiro Tiago Barbosa, que entrou no final da partida, anotou um gol contra e deu números finais ao confronto. Esta foi a primeira vez na história que a equipe de Ijuí venceu o Colorado em Porto Alegre. 

Antes, a equipe de Fábio Matias já havia saído atrás na primeira etapa, em gol de Hugo Almeida de cabeça. No entanto, teve forças para buscar o empate no segundo tempo com o atacante do grupo principal, Yuri Alberto, que reforçou o time de meninos nesta noite.

Depois da igualdade, o jogo ficou aberto. Com um homem a mais – Jadson foi expulso aos 42 minutos – o Inter saiu para pressão pelo triunfo. Porém, a postura ofensiva acabou não resultando na virada e se transformando na primeira derrota dos garotos. 

O revés deixa a equipe na quinta colocação, com quatro pontos e fora da zona de classificação para a fase semifinal.  Ainda com o time comandado por Fábio Matias, os jovens do Inter enfrentam o Ypiranga, novo líder do estadual, novamente no Beira-Rio, no sábado, às 21h. 

Bola parada decide

O começo de partida no estádio Beira-Rio foi de duas equipes marcando forte, o que provocou inúmeros erros de passes forçados e poucas chances de gol. Na melhor delas, aos 8 minutos, Lucas Ramos ficou com o controle da bola, livre, mas isolou na finalização e desperdiçou bom lance. 

Armado para contragolpear, o São Luiz teve sua primeira oportunidade em lance rápido de Ariel, que partiu sozinho contra a marcação, levou vantagem e conclui fraco nas mãos de Daniel. Sem a mesma movimentação das outras partidas, os meninos do Inter apostavam nos escanteios. Em boa cobrança de Lucas Ramos, João Félix subiu livre e mandou para fora. 

Com as ações equilibradas, os visitantes se aproveitaram de uma bola parada para passar na frente do placar. Após cobrança de Gabriel Araújo, o veterano Hugo Almeida desviou e marcou o primeiro gol da partida. Logo na sequência, a defesa colorada sentiu o revés e quase o São Luiz ampliou. Gustavo Xuxa recebeu dentro da área e finalizou de primeira sobre o gol de Daniel. 

Em resposta antes do intervalo, aos 41 minutos, Peglow encontrou Mauricio livre. O meia chutou mascado e a bola ficou com o goleiro Renan Rocha.

Infelicidade no fim decide

Precisando da virada, o técnico Fábio Matias colocou Lucas Vital no meio de campo na vaga de Mauricio, que não fez bom primeiro tempo. A mudança fortaleceu o setor e o colorado avançou as linhas para fazer uma blitz nos primeiros minutos. O Inter passou a controlar a posse da bola e rondar a área, mas sem uma finalização perigosa. Aos 9 minutos, o empate quase chegou pelo alto em cobrança de falta. Lucas Ramos cruzou e Johnny desviou para fora. 

O São Luiz, que só se defendia até os 15 minutos, teve chance de ampliar aos 16 minutos, após batida de escanteio, a bola ficou com Germano, que fintou a marcação e mandou na rede pelo lado de fora. No ataque seguinte, porém, veio o empate colorado. Heitor cruzou na área, a zaga cortou mal e a bola ficou limpa para o atacante Yuri Alberto igualar o marcador no Beira-Rio. 

A igualdade animou o confronto. Aos 23, Hugo Almeida quase marcou o segundo na partida, mas Pedro Henrique salvou. No contragolpe, Peglow perdeu chance clara na frente de Renan Rocha depois de boa arrancada de Yuri Alberto. 

Com mais gás, o Inter passou a ter mais a posse de bola, enquanto o São Luiz esperava a chance para contra-atacar. Aos 36 minutos, Ariel saiu na frente de Daniel para marcar e o goleiro cresceu para cima dele, defendeu e ainda evitou o escanteio.

A pressão colorada se transformou em chances e em vantagem númerica. Jadson foi expulso por falta em Vinicius Mello aos 42. No entanto, aos 49 minutos, num lance infeliz do zagueiro Tiago Barbosa, que havia entrado aos 45, o São Luiz definiu a partida. Mizael cruzou, a bola desviou no zagueiro e entrou contra a meta de Daniel, que nada pode fazer. Primeira vitória da equipe de Ijuí no estádio Beira-Rio. 

Gauchão – 3ª rodada

Inter 1 
Daniel; Heitor, Pedro Henrique (Tiago Barbosa), João Félix, Léo Borges; Johnny, Mauricio (Lucas Vital), Lucas Ramos e Guilherme Pato (Amaya); Yuri Alberto (Nicolas) e Peglow (Vinicius Mello). Técnico: Fábio Matias.

São Luiz 2 
Renan Rocha; Mizael, Rafael Goiano, Jadson e Gabriel Araújo; Leandro Leite, Paulinho Santos e Gustavo Xuxa (Germano); Ariel (Marcio Goiano), Hugo Almeida (João Marcus) e Juba (Lucas Carvalho). Técnico: Paulo Henrique Marques.

Gols: Hugo Almeida (38min/1T°) Yuri Alberto (17min/2T°) Tiago Barbosa (contra 49min/2T°)
Cartões amarelos: Pedro Henrique (Inter) Leandro Leite (São Luiz)
Cartões vermelhos: Jadson (São Luiz)
Árbitro: Francisco Soares Dias.
Local: Beira-Rio.
Início: 20h.

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Proposta que dá maior autonomia a municípios está sendo debatida com deputados, prefeitos, setores econômicos e especialistas da área de saúde

Esta é a ação com maior número de mortes desde o início dos registros, em 2016

De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde, os imunizantes serão destinados para a primeira dose

Os corpos das três crianças e duas professoras mortas durante a invasão a creche, foram enterrados nesta quarta-feira, dia 5