Giro do Vale / Esporte / Inter

Inter perde para o Always Ready na estreia da Libertadores

Colorado não teve boa atuação e acabou surpreendido na Bolívia, a mais de 3,6 mil metros do nível do mar

Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação

O Inter não teve vida fácil na Bolívia na noite desta terça-feira, em sua estreia na Libertadores. Jogando a mais de 3,6 mil metros de altitude, em La Paz, a equipe de Miguel Angel Ramírez não atuou bem e teve diante de si um organizado time do Always Ready, que venceu em seus domínios pelo placar de 2 a 0. 

Os gols do jogo foram marcados no segundo tempo. Saucedo, de longe, arriscou da intermediária e foi premiado com um golaço, no ângulo de Marcelo Lomba. No último lance do jogo, Algarañaz decidiu o placar após passe errado na saída, de Zé Gabriel.

Com o resultado, e Inter e Olimpia – que também perdeu, para o Deportivo Táchira – largam atrás no grupo B da Libertadores. O Colorado volta a campo pelo Gauchão no fim de semana, para enfrentar o Esportivo, no Beira-Rio, em partida ainda sem horário confirmado. Pela Libertadores, o próximo confronto é na próxima terça-feira, contra o Deportivo Táchira, às 19h15min, em Porto Alegre. 

Inter sofre no primeiro tempo

O técnico Miguel Ángel Ramírez preparou algumas surpresas para a estreia na Libertadores. A mais notável a saída de Patrick, titular e um dos melhores jogadores do time na campanha do vice-campeonato brasileiro de 2020. No setor, optou por Caio Vidal e Maurício, elogiado constantemente pelo treinador. Na zaga, Zé Gabriel fez companhia a Cuesta.

Jogando com a altitude a seu favor, foi o Always Ready quem construiu a primeira chance de marcar. Aproveitando-se do efeito da bola nos chutes à distância por conta do ar rarefeito, Sanguinetti bateu de fora da área e obrigou Marcelo Lomba a saltar e fazer defesa de mão trocada logo aos 3 minutos de jogo, evitando o gol dos bolivianos.

Mais adaptado ao campo e às circunstâncias de jogo, o Always Ready foi superior ao Inter na primeira meia hora de jogo. E isso se refletiu no número de finalizações. Foram nove dos bolivianos contra apenas uma do Colorado. Boa parte delas foram de média ou longa distância, tentando surpreender Marcelo Lomba. 

Ao longo de todo o primeiro tempo, o Inter concedeu espaços para os meias do time boliviano conduzirem a bola vindo de trás. Isso possibilitou que os donos da casa arriscassem as finalizações ao longo de todo o primeiro tempo. Os jogadores ofensivos do Colorado, em contrapartida, como Palacios, Caio e Mauricio, pouco apareceram. Assim, a partida foi ao intervalo empatada em 0 a 0. 

Golaço define o placar 

Precisando corrigir o time que sofreu no primeiro tempo, Miguel Angel Ramírez optou, inclusive, por trocar a formação do Inter. Passou a equipe para um 3-5-2 e fez duas trocas: colocou Lucas Ribeiro no lugar do apagado Palacios, e Yuri Alberto, substituindo Caio Vidal, junto a Thiago Galhardo na frente. Adiantou Heitor e Moisés para as alas, alinhando Edenilson e Maurício a Dourado. 

Mas foi o Always Ready quem abriu o placar, utilizando-se do recurso que mais tentou ao longo da primeira etapa. Saucedo recebeu na intermediária, teve espaço e acreditou. Arriscou de longe e anotou um golaço, acertando o ângulo direito de Marcelo Lomba, sem chances para o goleiro, abrindo o placar.

O técnico Miguel Ángel Ramírez seguiu tentando corrigir a equipe. Após o gol, sacou Edenilson, que também pouco produziu, para a entrada de Praxedes. Depois, fez a opção por desfazer o 3-5-2, que não funcionou para levar o time à frente, com a opção de Nonato no lugar de Lucas Ribeiro, que havia entrado no intervalo

Mesmo sem fazer grande atuação, o Inter conseguiu levar perigo, e criou sua melhor chance de igualar o marcador com Yuri Alberto, aos 30 minutos da etapa final. Yuri Alberto recebeu, limpou para dentro e bateu de perna direita, colocado e com força. A bola se chocou violentamente com o travessão, evitando o empate colorado.

No fim, o Always Ready teve maturidade para administrar o resultado e garantir a vitória com gol no último lance do jogo, com Algarañaz. Ele aproveitou o presente de Zé Gabriel, que errou passe na intermediária, invadiu a área e bateu cruzado, sem chances para Lomba.

Libertadores – 1ª rodada

Always Ready 2 

Lampe; Flores, Cummings, Cabrera e Machado; Ramallo, Saucedo, Arce e Sanguinetti; Vander Vieira e Ovejero. Técnico: Omar Asad

Inter 0 

Lomba; Heitor, Cuesta, Zé Gabriel e Moisés; Dourado, Edenilson, Palacios, Mauricio e Caio Vidal; Thiago Galhardo. Técnico: Miguel Angel Ramírez 

Gols: Saucedo (7/2T) e Algarañaz (49/2T)

Cartões amarelos: Vander Vieira, Cummings (Always Ready); Palacios, Maurici (Inter)

Arbitragem: Nicolas Gallo (COL)

Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz (BOL)

Data e hora: 20/04, às 19h15min

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Proposta que dá maior autonomia a municípios está sendo debatida com deputados, prefeitos, setores econômicos e especialistas da área de saúde

Esta é a ação com maior número de mortes desde o início dos registros, em 2016

De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde, os imunizantes serão destinados para a primeira dose

Os corpos das três crianças e duas professoras mortas durante a invasão a creche, foram enterrados nesta quarta-feira, dia 5