Giro do Vale / Saúde

RS mais de 440 mil doses de vacina contra a Covid-19

São 173.800 imunizantes da Coronavac e outros 267.750, da AstraZeneca

Foto: Divulgação

O Ministério da Saúde confirmou nesta quinta-feira, dia 15, o envio ao Rio Grande do Sul de uma nova remessa de vacinas contra a Covid-19. São 441.550 doses que ainda não têm data e horário para chegar em solo gaúcho. De acordo com o governo do Estado, são 173.800 da Coronavac e outros 267.750 da AstraZeneca. 

Segundo a Secretaria Estadual da Saúde (SES), a tendência é de que a remessa esteja disponível nesta sexta-feira, o que possibilitará que a distribuição aos municípios seja feita ao longo do final de semana.

Parte do lote será utilizado na aplicação da segunda dose, especialmente para os profissionais da saúde e idosos beneficiados com a Coronavac. As novas doses também serão utilizadas na ampliação do grupo atendido pela campanha, estendendo a cobertura vacinal a idosos com menos de 62 anos.

Durante o começo da semana, o Ministério da Saúde alertou que é necessário ter muita atenção com a aplicação da segunda dose da Coronavac, imunizante até mais usado em todo o Brasil. Dados da pasta indicaram 1,5 milhão de pessoas estão com a segunda vacina atrasada. Em alguns casos de Porto Alegre, por exemplo, a Diretoria de Vigilância em Saúde relatou que integrantes dos grupos prioritários poderiam ter encerrado o ciclo de imunização em fevereiro. 

Além disso, a chegada das novas doses de vacina poderá proporcionar a continuidade da vacinação em outras cidades gaúchas. Gravataí e Cachoeirinha foram obrigadas a suspender a imunização por falta de frascos. 

Mais imunizantes nos próximos três meses 

Nessa quarta, Queiroga anunciou a antecipação de 15,5 milhões de doses de vacina contra a Covid-19 da Pfizer. Os imunizantes devem chegar ao Brasil nos meses de abril, maio e junho. O anúncio foi feito durante uma coletiva que ocorreu após a segunda reunião do Comitê de Combate à Pandemia do governo federal. 

Também presente na coletiva, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, declarou que a intenção é oportunizar a chegada de 520 milhões de doses de vacina em 2021, quantidade que seria fabricada pela Fiocruz e pelo Instituto Butantan.

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Eventos estavam ocorrendo em desacordo com a legislação vigente no enfrentamento ao Covid-19

Não houve ninguém ferido, e o trânsito não chegou a ficar prejudicado no local

Saída de pista foi registrada na manhã deste sábado, dia 15, no Km 366 da rodovia

Corridas terão transmissão ao vivo pelo canal Turismo Nacional no Youtube