Giro do Vale / Saúde

RS recebeu lote com 69 mil doses da vacina Pfizer

Aeronave com o imunizante contra a Covid-19 aterrissou às 19h45min desta segunda-feira, no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre

Foto: Itamar Aguiar / Palácio Piratini

Um lote de 69.030 mil doses da segunda remessa de vacinas da farmacêutica Pfizer chegou na noite desta segunda-feira, dia 10, no Rio Grande do Sul.  A aeronave com os imunizantes aterrissou no Aeroporto Internacional Salgado Filho às 19h45min, em Porto Alegre. O novo lote de vacinas foi recebido por equipes da Secretaria Estadual da Saúde (SES) e pela Polícia Federal. 

Logo após o desembarque, as doses foram colocadas em caminhão baú e seguiram escoltadas por uma viatura da Polícia Federal até a Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi) da SES, na Capital.  

Do total de vacinas, 35.837 doses serão distribuídas aos postos de saúde de Porto Alegre para aplicação imediata, e as 33.193 doses restantes deverão ser mantidas em superfreezers emprestados pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e pela Pontifícia Universidade Católica (PUCRS), até a próxima distribuição. 

De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), a segunda remessa de vacinas da farmacêutica Pfizer será utilizada para avançar a imunização do grupo das comorbidades. Neste primeiro momento, os imunizantes serão utilizados apenas em Porto Alegre, assim como a primeira remessa de vacinas da Pfizer que chegou ao Estado na última semana. As vacinas ficam na Capital por questões de logística e armazenamento, uma vez que devem ser conservadas congeladas em superfreezers que alcançam a temperatura de -80ºC. 

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Corpo que estava em avançado estado de decomposição, foi encontrado por um pescador.

Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou relatos de falta do imunizante em prefeituras gaúchas

No Vale do Taquari, a mínima será de 13°C e a máxima chega aos 32°C

Sexta oportunidade de deixar o Z4 foi desperdiçada com derrota por 2 a 0, em jogo com pênalti e expulsão do zagueiro Paulo Miranda