Giro do Vale / Geral

Gaúchos terão um domingo com sol, nuvens e calor

Cidades que tiveram um sábado de temperatura amena e agradável vão experimentar um acentuado aquecimento

Foto: Divulgação

A frente semi-estacionária recua e a massa de ar quente volta a avançar no Rio Grande do Sul neste domingo. Com isso, cidades que tiveram um sábado de temperatura amena e agradável vão experimentar um acentuado aquecimento. No Vale do Taquari a temperatura fica entre 16ºC e 30ºC.

No Sul, as marcas seguem agradáveis. A Fronteira Oeste, o Centro gaúcho, o Noroeste, o Alto e Médio Uruguai, o Planalto, a Grande Porto Alegre, os vales, a Serra e os Aparados terão uma tarde quente e com fumaça. No Oeste e no Sul não se afasta chuva isolada.

Gangorra térmica trará aumento da chuva

Julho foi o mês mais seco do ano até agora em muitas áreas do Rio Grande do Sul e os primeiros 20 dias deste mês seguiram igual tendência com precipitações escassas e ainda com uma forte onda de calor durante os últimos dias, o que traz conseqüências na agricultura com perdas no trigo. A boa notícia é que a chuva vem ai.

A razão para o aumento das precipitações neste fim de agosto é uma verdadeira gangorra térmica que se instala no estado gaúcho. Até a metade da próxima semana, o Rio Grande do Sul estará entre uma massa de ar quente ao Norte e uma massa de ar frio ao Sul. Conforme o dia, o ar frio avança um pouco mais para Norte e o ar quente avança um pouco para o Sul.

Sábado, por exemplo, a instabilidade se concentrou do Centro para o Sul gaúcho com temperatura mais baixa enquanto mais ao Norte do Estado o sol aparece com calor acima de 30ºC no Noroeste e no Médio Uruguai. Domingo, a frente recua e o ar quente de Norte avança de novo para o Sul, trazendo calor e junto fumaça para a maioria das regiões gaúchas. No começo da semana, o ar frio de Sul volta a avançar para o Norte e isso traz uma queda da temperatura na maioria das cidades do Estado.

Como o território gaúcho vai estar na área de transição entre as duas massas de ar com características diferentes, nesta queda de braço entre o ar frio e quente, a instabilidade vai ser favorecida. O período entre terça e quinta da semana que vem será o de tempo mais instável e a chuva alcançará todas as regiões.

Volumes acima de 50 mm são possíveis em diferentes pontos da Metade Norte na próxima semana, apesar que em alguns locais não deve chover mais que 20 mm ou 30 mm, mas será a Metade Sul que terá mais chuva com registros até o meio da próxima semana de 100 mm a 150 mm em alguns municípios. Na segunda metade da semana que vem, ingressa uma massa de ar frio que traz o inverno de volta e uma sequência de dias de tempo firme e de sol.

MetSul / NIH Univates

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Crime ocorreu no Bairro Santo Antônio, e autor fugiu após o crime

Carro foi removido ao depósito e a mulher foi conduzida à DPPA de Lajeado

Receita já informou os contribuintes sobre pendências

No Vale do Taquari, o sol aparece entre nuvens