Giro do Vale / Esporte / Inter

Inter vence o Juventude por 2 a 1 na estreia do Gauchão

Maurício e Yuri Alberto marcaram os gols do colorado, e Ricardo Bueno descontou de pênalti para o time da Serra

Foto: Divulgação / Inter

A temporada de 2022 começou com vitória para o Inter dentro dos gramados. Na estreia do Gauchão, os comandados do novo técnico Alexander Medina tiveram um primeiro tempo pouco convincente, mas se recuperaram na segunda etapa e venceram o Juventude pelo placar de 2 a 1, nesta quarta-feira, no Alfredo Jaconi. Os gols da partida foram marcados por Maurício e Yuri Alberto, que pode ter feito sua última partida pelo Colorado. No Ju, Ricardo Bueno descontou de pênalti. 

O Inter volta a campo no sábado, às 19h, no Beira-Rio, diante do campeão da Divisão de Acesso, o União Frederiquense. O Ju vai a São Luiz enfrentar o Rubro no domingo, às 19h, no 19 de Outubro.

Quando o árbitro apitou o início da partida, o torcedor pôde ver a primeira “cara” do Inter de Cacique Medina. Como já era esperado, o treinador levou a campo a sua formação preferida no 4-2-3-1, com Edenílson de segundo volante e Maurício e Boschila na linha de três com Taison. No Ju, a estratégia foi clara. Se houvesse alguma chance ofensiva, ela passaria pelos pés do centroavante Ricardo Bueno, que era constantemente acionado entre os zagueiros do Colorado.

Aos 10 minutos, William Matheus esticou para Capixaba, que tocou para Bueno. O centroavante entrou na área, bateu, mas não contou com o desvio no ombro do goleiro Daniel, que fez boa defesa. Na primeira chegada mais perigosa do Inter, Taison, aos 20, cobrou falta no segundo pau. Rodrigo Dourado escorou para o centro, sem perigo para a meta de William, que segurou.

Com a pausa para a hidratação dos jogadores, foi o Ju que retornou mais ligado. Logo aos 29 minutos, Jadson aproveitou o rebote do lado direito e cruzou na área em direção a Capixaba. O meia cabeceou sozinho, mas a bola acertou o travessão, assustando o goleiro Daniel. O Inter respondeu com Taison e Yuri. O camisa 7 tocou para o centroavante, que girou e bateu forte por baixo, obrigando o arqueiro jaconero a segurar firme. O Juventude só não abriu o placar, pois Daniel realizou dois milagres no final da primeira etapa com chegada de Ricardo Bueno e, depois, com o rebote de Darlan – o arqueiro colorado simplesmente abriu o peito e esperou a pancada. Placar zerado.

Segunda etapa domínio colorado

A segunda etapa teve um cenário bem diferente, com o Inter aceso. Mal havia começado e o placar já estava a favor dos visitantes no Alfredo Jaconi. Logo aos três minutos, Taison encontrou Moisés. O lateral carregou a bola até a entrada da grande área e tocou para o meio, onde achou Maurício. O camisa 27 dominou e chutou para dar números ao escore.

E a boa atuação permitiu ao Inter ampliar rapidamente.  Aos nove minutos, Yuri Alberto, o homem de 20 milhões de euros, recebeu cruzamento de Boschilia. O centroavante girou e bateu forte, sem chances para William, num belo gol para o 2 a 0.

Nervoso pelo resultado, o Ju tentou pressionar. Grande parte das ações ofensivas passaram por Capixaba. Foi dele, aos 16 minutos, o toque para Ricardo Bueno, que arriscou o chute. Em partida inspirada, Daniel fez grande defesa e afastou o perigo. Mantendo a pressão sobre as linhas vermelhas, a reação pareceu tomar forma.

Aos 34 minutos, após escanteio, Rodrigo Dourado tocou com a mão na bola em disputa com Bassani. Pênalti marcado e anotado por Ricardo Bueno, que bateu forte no canto direito. Ju descontou para 2 a 1. O goleiro Daniel ainda tomou um susto com belo chute de fora da área de Foster, mas a bola passou tirando tinta do ângulo direito. Apesar da dose de ânimo com o tento, a equipe jaconera não conseguiu igualar o placar. Jogo finalizado, vitória colorada, e o Inter é o líder provisório do Gauchão.

Campeonato Gaúcho – 1º rodada – Juventude x Inter

Juventude 1

William; Rodrigo Soares, Rafael Forster (Moraes), Danilo Boza e William Matheus; Jadson, Darlan e Chico (Hélio); Guilherme Parede (Bassani) e Capixaba (Dudu); Ricardo Bueno (Vitor Gabriel).

Inter 2

Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Víctor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson, Boschilia (Liziero), Taison (Jhonny)  e Maurício (Caio Vidal) (Kaíque Rocha); Yuri Alberto (Mateus Cadorini).

Cartões amarelos: Daniel, Bruno Méndez, Rodrigo Dourado (Inter), Capixaba (Juventude)

Gols: Maurício (3min/2T), Yuri Alberto (8min/2T), Ricardo Bueno (35min/2T)

Árbitro: Roger Goulart

Estádio: Alfredo Jaconi

Horário: 16h

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Declaração ocorre após pressão feita por correligionários para que ex-governador desista de disputar cargo neste ano

Campo de futebol sete do Parque Pôr do Sol passa a levar o seu nome

Acidente ocorreu no km 34 da rodovia, na localidade de Linha Cordilheira

Três carros se envolveram na colisão que vitimou um jovem de 18 anos