Giro do Vale / Geral

Terça-feira será de calor dando início a onda de dias muito quentes no RS

No Vale do Taquari, a mínima é de 19ºC, e a máxima chega aos 35ºC

Foto: Divulgação

Nesta terça-feira, uma massa de ar extremamente quente começa a invadir o Rio Grande do Sul pelo Oeste. A temperatura que hoje chegou a 36ºC na região de Uruguaiana, amanhã deve ficar ao redor dos 40ºC, com aquecimento ainda maior na quarta e na quinta-feira. No Vale do Taquari, a mínima é de 19ºC, e a máxima chega aos 35ºC.

No Leste e Nordeste do Estado, a tarde será quente, mas sem calor muito intenso. O aquecimento mais forte e generalizado ocorrerá no final da semana. O sol predomina com amplos períodos de céu claro na maioria das regiões gaúchas, mas algumas áreas vão ter nuvens esparsas, como o Leste do Estado, especialmente na primeira metade do dia. 

A potente onda de calor que assolará Argentina, Uruguai e parte do Rio Grande do Sul nesta semana será um exemplo clássico de extremo climático composto. São várias situações extremas simultaneamente. Extremos compostos, concorrentes ou coincidentes podem levar a impactos maiores para a sociedade e o meio ambiente que os extremos individuais. 

Exemplos de extremos compostos incluem seca e ondas de calor, inundações costeiras associadas a vento intenso, aumento do nível do mar por ciclones tropicais seguidos de ondas de calor, inundações após ciclones extratropicais, entre outros. 

No caso de agora, o Centro da América do Sul terá uma poderosa onda de calor em meio à estiagem forte a severa que pode levar a incêndios. A estiagem favorece ondas de calor mais intensas e por sua vez o calor piora a estiagem. Não à toa, os recordes de calor do Rio Grande do Sul de 42,6 ºC em 1917 e em 1943 se deram quando o estado passava por fortes secas.

MetSul / NIH Univates

Ainda não há comentários

Envie-nos o seu comentário

Publicidade

Últimas Notícias

Município já contabiliza em janeiro, cinco vezes mais casos do que o total de dezembro de 2021

Obras serão realizadas nos bairros Laranjeiras e São João

Carro que atropelou o rapaz, fugiu do local do acidente sem prestar socorro

Olinda Bolsonaro estava internada no Hospital São João, em Registro, no interior paulista