Giro do Vale / Geral / Taquari

MP é contra instalação de aterro sanitário em Taquari

Em visita a área de terras, promotor constatou água corrente no local, diferente do que foi apresentado pela empresa em seu projeto

Foto: Divulgação

A polêmica em torno da instalação de um aterro sanitário na localidade de Amoras, interior de Taquari, ganhou mais um capítulo. O Promotor de Justiça André Prediger vistoriou a área onde a Sustentare Saneamento S.A. pretende se instalar, e constatou muita água corrente no local, diferente do que diz o projeto apresentado pela empresa.

A visita durou cerca de cinco horas, e além do Promotor, também estiveram no local, membros da comunidade, Brigada Militar e o biólogo da prefeitura.

“Não há a menor possibilidade de um aterro ser instalado naquela área, existe água para todos os lados, água corrente, e olha que estamos num período de seca, existem sangas que é possível tomar banho”, relata Prediger.

Um relatório foi enviado à Câmara de Vereadores, à Prefeitura, e à Fepam. O Promotor ressaltou que o poder público também deveria ir à campo verificar a real situação.

O MP irá solicitar esclarecimentos da empresa e da Fepam, uma vez que o projeto traz uma realidade e a visita de campo mostrou outro cenário. “Eu quero saber da empresa como ela coloca em um projeto que não existem essas nascentes ou que elas não são importantes para a instalação, e também quero saber da Fepam que tipo de fiscalização foi feita no local”, afirma.

Protestos

Parte da população vem se mostrando contrária a instalação do aterro sanitário no município. Manifestantes estiveram na Câmara de Vereadores na última sessão mostrando novamente o descontentamento com essa possibilidade. A principal preocupação do grupo é quanto ao meio ambiente, o mau cheiro, entre outros reflexos que poderiam ser sentidos pela comunidade e arredores.

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Declaração ocorre após pressão feita por correligionários para que ex-governador desista de disputar cargo neste ano

Campo de futebol sete do Parque Pôr do Sol passa a levar o seu nome

Acidente ocorreu no km 34 da rodovia, na localidade de Linha Cordilheira

Três carros se envolveram na colisão que vitimou um jovem de 18 anos