Giro do Vale / Destaque / Polícia

Polícia confirma que duas das vítimas de chacina em Porto Alegre, são do Vale do Taquari

Investigação apura se as vítimas teriam sido dopadas antes de serem mortas

Foto: Divulgação / Arquivo pessoal

Duas das cinco vítimas da chacina ocorrida em Porto Alegre na manhã desta quarta-feira, dia 27, são naturais do Vale do Taquari. As identidades foram confirmadas pela Brigada Militar. Entre elas estão Delci Driemeyer, de 79 anos, que era moradora de Westfália e mãe de Octávio Driemeyer Júnior, responsável pelo crime, e Geraldina Lazaretti, de 81 anos, era natural do município de Canudos do Vale e sogra do homem. Além delas, Octávio seria responsável pela morte de sua esposa, Lisandra Lazaretti Driemeyer, de 45 anos, e do filho Enzo Lazaretti Driemeyer, de 14. Após o fato, conforme análise inicial da Polícia Civil, o homem tirou a própria vida.

O caso aconteceu em uma casa de um condomínio de luxo no Bairro Santa Tereza, em Porto Alegre. A Polícia Civil trabalha com a hipótese de que as vítimas tenham sido dopadas com sonífero. O delegado Leandro Bodóia, acredita que a execução tenha sido premeditada pelo autor. Segundo ele, a possibilidade ainda precisa ser confirmada com exames do Instituto-Geral de Perícias (IGP), que recolheu medicamentos no imóvel, inclusive antidepressivos. A empregada da casa, escapou por estar em outro cômodo.

A motivação da chacina pode ter sido uma crise financeira vivida pelo empresário de 44 anos. Duas armas calibre 12 foram apreendidas no local e encaminhadas para a perícia do IGP. Uma delas teria sido usada no crime. A Polícia Civil vai aguardar o resultado da perícia, que deve acontecer na semana que vem, para aprofundar as investigações. Imagens das câmeras de monitoramento e inclusive a situação financeira do empresário serão investigadas.

Grupo Independente

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Declaração ocorre após pressão feita por correligionários para que ex-governador desista de disputar cargo neste ano

Campo de futebol sete do Parque Pôr do Sol passa a levar o seu nome

Acidente ocorreu no km 34 da rodovia, na localidade de Linha Cordilheira

Três carros se envolveram na colisão que vitimou um jovem de 18 anos