Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio cede empate ao Ituano no fim e segue fora do G4 da Série B

Tricolor vencia até os 48 minutos, mas cedeu igualdade em lance pelo alto na reta final do duelo em Itu

Foto: Grêmio / Divulgação

Em uma atuação bastante ruim na maior parte dos noventa minutos, o Grêmio até ia vencendo, mas cedeu o empate para o Ituano aos 48 minutos do segundo tempo e segue fora do G4 da Série B, na noite desta segunda-feira, dia 16, em Itu (SP), pela sétima rodada. O Tricolor soma onze pontos e é sexto colocado, distante dois pontos do Vasco, o primeiro da zona de classificação, com 13 pontos. Na próxima rodada, o time do técnico Roger Machado encara o Criciúma, na Arena, nesta quinta-feira, às 19h. 

Ao longo dos 45 minutos iniciais, a equipe gremista viu o goleiro Brenno salvar em milagre à queima-roupa e a trave evitar duas vezes o prejuízo. Na volta do vestiário, os gremistas cresceram com as entradas de Campaz e Elkeson, nas vagas de Elias e Gabriel Silva, e a estrela do artilheiro Diego Souza brilhou aos 3 minutos do segundo tempo em belo gol de “centroavante”. Na reta final, os donos da casa, de tanto insistirem, conseguiram o empate aos 48 minutos em lance pelo alto com o meia Lucas Nathan e entregaram justiça ao placar. 

Sufoco gremista 

O técnico Roger Machado confirmou os trabalhos da semana e colocou o meia Gabriel Silva na vaga de Lucas Silva visando dar maior controle de bola no meio de campo. A proposta ficou só na teoria. O que se viu nos primeiros 45 minutos em Itu foi um time gremista “agradecendo” por não ter levado para o vestiário um largo prejuízo. Logo aos 6 minutos, os donos da casa deixaram sua proposta definida. Contragolpear nos erros do Grêmio no ataque. O lateral Pacheco levantou na área e o meia Gerson Magrão aproveitou a sobra para soltar uma bomba, levando perigo ao goleiro Brenno. Na sequência, o volante Kaio arriscou de fora da área e arrancou o “Uh” dos torcedores paulistas. 

Com a ideia de se aproveitar dos equívocos tricolores, o Ituano assustou em diversos momentos, pois o Grêmio errou – e muito – neste primeiro tempo. Aos 18 minutos, Brenno apareceu milagrosamente para evitar o gol adversário. Gerson Magrão novamente recebeu livre e à queima-roupa bateu firme para uma linda defesa. Roger precisou promover uma troca aos 20 minutos. O lateral Rodrigo Ferreira sentiu problemas e o volante Sarará entrou improvisado em seu lugar. A primeira finalização dos visitantes apareceu somente aos 28 minutos. O lateral Nicolas jogou na área e Elias, torto, desviou pela linha de fundo. 

Ainda que sem qualidade, o Ituano pressionava no ímpeto e na vontade. Aos 33 minutos, o atacante Rafael Elias não tomou conhecimento da defesa gremista pelo alto e testou firme no poste. A equipe de Itu, talhada para contragolpear, via o Grêmio ter dificuldades para dominar a bola pelas pontas, com Biel e Elias bastante abaixo. Assim, as oportunidades se apresentavam para a velocidade dos contra-ataques. 

Aos 40, Rafael Elias novamente fez Brenno aparecer em dois tempos. Sem ter a segunda bola na maioria dos lances, o Tricolor escapou mais uma vez aos 43 minutos. Lucas Siqueira levantou na área, Rafael Elias arrumou e o Gerson Magrão bateu cheio de estilo raspando na trave. Escapando em mais essa oportunidade, o Grêmio conseguiu levar o empate para o intervalo na expectativa por uma significativa melhora. 

Castigo no fim 

Ciente de que a atuação era ruim, Roger mandou o Grêmio de volta para a segunda etapa com duas trocas: Elkeson e Campaz nas vagas de Elias e Gabriel Silva. No primeiro minuto, novamente o goleiro Brenno precisou aparecer para evitar o gol de Leo Santos de cabeça. No primeiro ataque gremista na segunda etapa, o gol surgiu como um presente e na qualidade do artilheiro Diego Souza. Biel cruzou da esquerda, o centroavante matou no peito, limpou a marcação e finalizou de esquerda sem chance para o goleiro Pegorari. Depois de um momento instável, o Ituano passou a reencontrar a volúpia ofensiva. Aos 10, Leo Santos levou a melhor contra a defesa pela segunda vez e testou tirando tinta da trave. 

A mudança de atitude fez o time gremista permanecer mais com a bola, trocar passes com tranquilidade e diminuir os sustos que vieram aos montes no tempo inicial. O atacante Elkeson passou a combinar lances com Diego Souza e levar algum perigo a defesa. Aos 17 minutos, os atacantes tabelaram e Biel apareceu para finalizar em cima da marcação. Aos 26 minutos, Janderson foi para o campo no lugar de um exausto Biel na ponta.

Na sequência, Diego Souza deixou o campo para o meia Benítez. O time de Itu se lançou ao ataque para encontrar o empate. O Grêmio esperava para contragolpear. Completando 350 jogos nesta noite, o zagueiro Geromel mostrou sua elegância ao desarmar na bola o atacante João Victor e evitar a igualdade. A intenção de ter mais a posse de bola não se sustentou para o Grêmio. No entanto, o afobado time de Itu também se atrapalhava para atacar e levar perigo como nos melhores momentos do primeiro tempo. A pressão no final foi mais física do que qualquer coisa. E aos 48 minutos apareceu o empate dos donos da casa. Após cruzamento, a defesa gremista marcou mal e o meia Lucas Nathan entrou livre para selar o 1 a 1, que era merecido. 

Campeonato Brasileiro Série B – 7ª rodada

Ituano 1 

Pegorari; Pacheco, Léo Santos, Bernardo e Roberto (Mario Sergio); Rafael Pereira, Lucas Siqueira, Kaio (João Victor) e Magrão (Lucas Nathan); Aylon (Dudu Vieira) e Rafael Elias. Técnico: Mazola Júnior

Grêmio 1 

Brenno; Rodrigo Ferreira (Sarará), Geromel, Bruno Alves e Nicolas; Villasanti, Elias (Elkeson), Gabriel Silva (Campaz), Bitello e Biel; Diego Souza (Benitez). Técnico: Roger Machado

Gols: Diego Souza (03min/2T°) Lucas Nathan (48min/2T°)
Cartões amarelos: Elkeson (Grêmio) Aylon, Rafael Elias, Lucas Siqueira e Rafael Pereira (Ituano)
Arbitragem: Savio Pereira Sampaio
Local: Estádio Novelli Junior, em Itu (SP)
Data e hora: 16/05, às 20h

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Crime foi registrado no Bairro Vale dos Pinheiros

As duas vítimas fatais estavam em uma Parati com placa de Cruzeiro do Sul

Estado também terá o avanço de ar frio e seco neste final de semana

Após vitória com autoridade, Colorado é terceiro colocado, com 24 pontos e segue na caça aos líderes da competição