Giro do Vale / Esporte / Grêmio

Grêmio vence o CRB na Arena, e vira líder da Série B

Tricolor chegou a terceira vitória consecutiva

Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação

Para deixar de lado toda a crise e sacramentar a boa fase. Diante do lanterna, o Grêmio fez valer a superioridade e venceu o CRB na tarde deste sábado, na Arena, pelo placar de 2 a 0. Com o triunfo, o terceiro seguido na Série B, o Tricolor é o novo líder da competição. Elias e Bitello deixaram os deles sob o olhar de mais de 15 mil torcedores gremistas.

Novidade na equipe e em boa fase, Elias abriu o placar ainda no primeiro tempo, aos 13 minutos, após passe de Diego Souza. Coube a Bitello ampliar o placar aos 41, em um bonito chute colocado. No segundo tempo, Elias, novamente ele, acertou a meta, mas o gol foi anulado. Elkeson, após longa demora envolvendo o visto para trabalhar no Brasil, fez sua estreia com a camisa Tricolor.

Com a vitória, Roger Machado e companhia assumem a liderança da Série B com 10 pontos – mesmo número do Bahia, que perdeu na rodada, e assume a segunda colocação pelos critérios de desempate. O CRB é o lanterna, com apenas um ponto. 

Os garotos resolvem

A expectativa envolvendo Elias no time titular foi confirmada. Roger sacou Campaz da ponta direita e optou pelo jovem atacante responsável pelo gol da vitória na última rodada, contra o Operário, em Ponta Grossa.

Apostando na capacidade ofensiva de Elias, o Tricolor buscou os cruzamentos pelo lado esquerdo, principalmente em tabelas com Biel, Bitelo e Nicolas. Em uma dessas jogadas, aos sete minutos, o atacante avançou pela grande área e tocou para o lateral, que cruzou. Elias chegava para concluir de cabeça, mas foi derrubado. O árbitro, porém, nada marcou.

A boa fase pairava sob o jovem atacante. Com a partida se desenhando em torno de Elias, faltava apenas o gol – que veio aos 13. Cercado por cinco defensores, Diego Souza protegeu a bola e fez que ia tentar o chute. Com um toque açucarado para a direita, o centroavante entrega para Elias que não tenta o domínio e bate de primeira, cruzado, sem chance para o goleiro Diogo Silva. 1 a 0 em uma Arena que veio a baixo.

Com a vantagem no placar, o Tricolor dominou. A reta final da primeira etapa foi praticamente uma troca franca entre ataque e defesa. Acuado, o CRB apenas acompanhava a movimentação focada nos três jogadores de ataque do Grêmio, ancorados pelos cruzamentos de Nicolas – outro nome que também fez boa partida.

Em um raro momento de produção, a equipe de Alagoas assustou Brenno aos 31 min. Após cobrança de falta, Gum desviou com a cabeça e quase encobriu o goleiro gremista. A boa chance fez com que o CRB assustasse mais uma vez. Romão finalizou cruzado e Geromel afastou para o meio da pequena área. No rebote, Reginaldo bateu na orelha da bola e mandou para a fora. Detalhe: a meta estava praticamente livre.

O susto fez com que o Tricolor cortasse o mal pela raiz. Em uma bonita jogada individual, Bitello passou pela marcação, puxou para a perna direita na grande área e bateu colocado bem onde a coruja dorme. 2 a 0 no placar e o cronômetro marcava 41 minutos. Antes do fim da primeira etapa, um possível lance de pênalti envolvendo o Grêmio foi checado pelo VAR. Nada marcado e o primeiro tempo encerrou desta forma.

Falta de pontaria e estreia de Elkeson

A segunda etapa começou com a mesma pressão Tricolor, mas com um erro não muito comum do artilheiro Diego Souza. Em boa jogada pela direita, Rodrigo Ferreira cruzou rasteiro para o meio da pequena área. A bola chegou aos pés do centroavante, que isolou. Aos sete minutos, foi possível ver a reação de Souza com o gol desperdiçado. “Como essa bola não entrou?”, disse incrédulo.

O CRB respondeu aos nove com Richard, que teve o número de acesso nos letreiros da substituição em uma confusão da equipe de arbitragem. O atacante recebeu, tocou para o meio e bateu colocado no canto esquerdo de Brenno, que estava vencido na jogada. Bola para fora. 

Gols e Diego Souza sempre foram sinônimos. No entanto, o dia não era do centroavante. Em uma segunda oportunidade, Biel fez boa jogada pela ponta direita, bateu cruzado, obrigando Diogo Silva a fazer boa defesa. O rebote sobrou para Souza na risca da pequena área. Apesar do faro de gol, a bola, novamente, passou por cima da trave. Elias também deixou sua chance desperdiçada. Aos 21, o atacante passou como quis pelo goleiro, mas desequilibrado. Com o gol aberto, acertou a trave para o desespero da torcida.

As chances desperdiçadas deram espaço para a estreia da principal contratação do Grêmio para a temporada. O relógio marcava 22 minutos quando o letreiro de substituições subiu: Diego Souza deixou o campo para a entrada de Elkeson, agora com toda a documentação em dia e com o visto liberado. E no primeiro toque na bola, o centroavante auxiliou na construção do que seria o terceiro gol, em toque envolvendo Biel, que achou Elias. O atacante bateu, ampliou o placar, mas a linha do VAR mostrou que o jogador estava impedido. Gol anulado.

O torcedor ficou na birra pelas várias chances desperdiçadas na segunda etapa, mas feliz com a confirmação da boa fase. Roger começa a dar tranquilidade para o elenco que ainda será posto à prova ao longo de toda a Série B. Com o domínio da posse de bola, o Tricolor não sofreu mais riscos diante de um capenga visitante. Nos acréscimo, Nicolas, após pisão em Wallace, foi expulso. O placar se manteve e o Grêmio é líder de uma das edições mais disputadas de todos os tempos.

Na sexta rodada, o Tricolor tem um confronto duro contra o Cruzeiro, em pleno Mineirão. A partida está marcada para o próximo domingo, às 16h. O CRB encara o Novohorizontino, no Jorge Ismael de Biasi, às 19h, em partida atrasada da primeira rodada.

Campeonato Brasileiro da Série B – 5ª Rodada

Grêmio 2

Brenno; Rodrigo Ferreira, Pedro Geromel, Bruno Alves e Nicolas; Villasanti, Lucas Silva (Gabriel Silva) e Bitello (Diogo Barbosa); Elias (Campaz), Biel (Janderson) e Diego Souza (Elkeson). Técnico: Roger Machado.

CRB 0

Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Iago Mendonça, Guilherme Romão; Marthã (Wallace), Yago, Raul Prata (Vico); Richard (Emerson), Gustavo Apis (Fabinho) e Anselmo Ramon. Técnico: Marcelo Cabo.

Gols: Elias (13min/1T) e Bitello (41min/1T) – Grêmio

Cartões amarelos: Yago e Emerson (CRB)

Cartões vermelhos: Nicolas (Grêmio)

Árbitro: Felipe Fernandes de Lima

Assistentes: Guilherme Dias Camilo e Felipe Alan Costa de Oliveira

VAR: Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira

Data e hora: Sábado, às 16h30min, 30 de abril de 2022. 

Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre (RS). 

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Declaração ocorre após pressão feita por correligionários para que ex-governador desista de disputar cargo neste ano

Campo de futebol sete do Parque Pôr do Sol passa a levar o seu nome

Acidente ocorreu no km 34 da rodovia, na localidade de Linha Cordilheira

Três carros se envolveram na colisão que vitimou um jovem de 18 anos