Giro do Vale / Política

Rosa Weber envia à PGR notícia-crime contra Jair Bolsonaro

A ministra do STF pediu ao procurador-geral da República que opine sobre a aceitação ou não do pedido de investigação

Foto: Divulgação

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber enviou nesta quarta-feira, dia 18, à Procuradoria-Geral da República (PGR), uma notícia-crime contra o presidente Jair Bolsonaro (PL) por declarações e atos que colocam em xeque, sem provas, o sistema eletrônico de votação brasileiro.

O pedido de investigação foi ajuizado pelo deputado professor Israel Batista (PSB-DF). Ele trata de afirmações do presidente da República quando ele participou do “Ato cívico pela liberdade de expressão”, em 27 de abril, no Palácio do Planalto, em Brasília.

O pedido diz que há indícios de vários crimes cometidos por Bolsonaro, como peculato, prevaricação e crimes contra o Estado democrático de direito, além de improbidade administrativa. O documento foi encaminhado à PGR porque cabe a Augusto Aras, chefe do órgão, analisar se há elementos para que o STF autorize uma investigação contra Bolsonaro.

“As declarações, os atos eventualmente praticados e os atos preparatórios dolosos e eventualmente incriminatórios devem ser objeto de investigação e persecução penal, para fins de que se busque a ocorrência da prática atos em desalinho com o interesse público e os crimes narrados nos tópicos a seguir alinhavados”, diz a petição (Pet 10326).

Correio do Povo

Ainda não há comentários

Publicidade

Últimas Notícias

Crime foi registrado no Bairro Vale dos Pinheiros

As duas vítimas fatais estavam em uma Parati com placa de Cruzeiro do Sul

Estado também terá o avanço de ar frio e seco neste final de semana

Após vitória com autoridade, Colorado é terceiro colocado, com 24 pontos e segue na caça aos líderes da competição